Devemos escolher por Deus todos os dias

Padre Edimilson
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Quando nos submetemos ao senhorio de Deus somos abençoados em tudo o que fazemos. Ao contrário daqueles que buscam auxílio e refúgio em falsos deuses e ídolos que tem como único objetivo confundir os nossos corações.

Porém, a felicidade proposta por Deus passam por exigências. Seguir a Deus não é uma tarefa fácil ou simples, mas sim um caminho repleto de tribulações, pois quando escolhemos por Deus, optamos pela vida.

O Senhor simplesmente propõe a nós segui-Lo, mas uma proposta passa por nossa aceitação ou não. Cristo jamais irá nos obrigar a nada, muito menos a escolher por Ele.

Infelizmente, inúmeros jovens tem sofrido por escolhas erradas em nosso país. O resultado dessas escolhas são as mortes em decorrência do craque, bebida alcoólica, entre outras tantas coisas. Tudo isso acontece porque optaram pela morte ao invés da Vida.

O ser humano, infelizmente, hoje, escolhe pela morte porque tem negado Deus em sua vida. Até mesmo na maneira vestir ou se comportar pode ser uma forma de negar a Cristo, pois tudo isso falam do que somos.

Algumas consequências são irreparáveis e nos separam permanentemente de Deus. Porém, o bonito é ver que o Senhor não desiste de nós até o último segundo, pois enquanto houver esperança Ele estará lutando pela nossa salvação.

Precisamos optar por Deus dia após dia, mesmo nos menores atos. Seja em nossas amizades, nos ambientes que frequentamos e até mesmo no que consumimos. Não podemos estar em cima do muro que quisermos seguir a Jesus, pois o seu caminho vai muito além de onde o muro pode chegar.

A Palavra nos diz que todo aquele que pretende ser amigo do mundo se afasta da amizade com Deus. Compactuar com o mundo significa seguir a via contrária dos ensinamentos da Igreja, pois o que o mundo hoje prega é o aborto, liberação de drogas, entre outras coisas.

"Precisamos optar por Deus dia após dia." exorta Padre Edimilson
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Jesus veio para que todos nós tenhamos vida em abundância, por isso, compactuar com qualquer realidade que não nos leva a vida plena vai contra a proposta de vida para qualquer cristão.

Obviamente que lutar por essas coisas não é uma tarefa fácil, muito pelo contrário, passa por muitas provações. Mas foi exatamente essa uma das condições que o próprio Cristo impôs para os que quisessem segui-Lo, pois a vida de qualquer cristão precisa passar pela cruz, pois é nela que somos moldados.

Essa cruz não deve ser carregada pelo cristão, mas abraçada, pois assim, provavelmente, será mais fácil. Já que o ato de abraçá-la significa acolher a cruz e tudo que ela representa em sua vida. Abraçar a cruz é aceitar a vontade de Deus para nossas vidas e sonhar os mesmos sonhos de Deus.

Querer ser discípulo e querer Jesus como mestre é aceitá-Lo mesmo em meio a dor. Quanto mais simples e humildes somos, mais somos mansos em aceitar a vontade de Deus.

Transcrição e adaptação: Gustavo Souza


Padre Edimilson Lopes


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo