É Deus quem faz em nós

Luiz Carvalho
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN
“Ao tomar a refeição com eles, deu-lhes esta ordem: 'Não vos afasteis de Jerusalém, mas esperai a realização da promessa do Pai, da qual me ouvistes falar, quando eu disse: ‘João batizou com água; vós, porém, dentro de poucos dias sereis batizados com o Espírito Santo'. Então, os que estavam reunidos perguntaram a Jesus: 'Senhor, é agora que vais restabelecer o Reino para Israel?' Jesus respondeu: 'Não cabe a vós saber os tempos ou momentos que o Pai determinou com a sua autoridade. Mas recebereis o poder do Espírito Santo que virá sobre vós, para serdes minhas testemunhas em Jerusalém, por toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra'” (Atos 1,4-8).

É muito interessante nós sabermos a diferença que havia entre o tempo do Antigo Testamento e o tempo de Jesus Cristo. O Espírito Santo sempre esteve presente neles, só que no Antigo Testamento Ele agia em determinada pessoa para determinada missão. O Paráclito estava presente no meio do povo, mas não estava no coração de todos, estava no coração de poucos para que estes manifestassem a glória de Deus aos demais. Agora, nós que somos da Era Messiânica, tempo em que todas as promessas de Deus já foram realizadas, o mesmo Espírito Santo habita em nós, Ele não está somente do nosso lado, Ele habita em nós. Essa é a grande diferença, a grande novidade.

Jesus prometeu aos apóstolos o Espírito Santo, o qual daria forças para eles serem Suas testemunhas. Mas quando Cristo disse isso eles não conseguiram entender. A promessa do Senhor se concretizou em Pentecostes, que foi um acontecimento real em determinado momento da história. Mas este não parou, não foi algo que aconteceu uma única vez, mas é algo que acompanha o povo de Deus até agora. Pentecostes acontece na minha vida, na hora e no momento em que eu pedir e quiser.

Os apóstolos mudaram completamente [após o Pentecostes], Pedro, que antes não havia sido capaz de dizer que Jesus era o Senhor na frente de uma mulher, depois desse grande acontecimento, anunciou o nome do Messias para uma multidão e com desassombro afirmando que eles não estavam embriagados (porque ainda era cedo), mas sim, cheios do Espírito Santo. Assim, aquele que antes não tinha coragem de assumir que era amigo de Cristo, passou a acusar o povo sem medo de que atirassem pedras sobre ele. O grande apóstolo foi tão ungido que três mil pessoas aderiram ao Cristianismo, e nós percebemos que o cumprimento da Palavra estava acontecendo, o qual afirmava que desceria sobre eles o Espírito Santo dando-lhes força e fazendo com que fossem testemunhas do Senhor até os confins do mundo.

São João declarou que Deus é amor, e nós não podemos afirmar que amamos a Deus se não amamos o irmão. Ele era um discípulo amoroso. Quando viu alguns homens fazendo milagres em nome de Deus, mas que não faziam parte do grupo, pediu a Jesus que jogasse um raio sobre eles, mas depois de Pentecostes, ele muda totalmente e diz que não pode dizer que ama a Deus se não ama seu irmão.

"Não somos nós que fazemos, é Deus que faz em nós!"
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN

Você se conhece realmente? Você tem defeitos? Medos? Apesar de conhecer a Jesus, olha para alguns fatos de sua vida e pensa que não vai dar conta? Nós temos esses pensamentos, pois somos frágeis, temos de caminhar na fé, para que cada vez menos eles [pensamentos] tomem conta de nós. Precisa haver um Pentecostes em nossas vidas, para que, como os apóstolos, sejamos transformados.

O mundo está faminto, desejoso desse Deus que conhecemos, pois não sabe que a fome deles é do Senhor; mas nós o sabemos. O que Deus e a Igreja querem é que digamos como aqueles homens: “Eis-nos aqui!”. Não somos nós que fazemos, é Deus que faz em nós, nos faz pessoas diferentes.

Não desista do seu filho, da sua filha, por mais que esteja difícil a situação! Da mesma forma, não desista do seu marido, da sua esposa, do seu casamento por mais complicado que esteja. Peça que o Espírito Santo lhe dê forças, pois é nesse momento que precisam entrar o “homem novo” e a “mulher nova” no Espírito Santo.

Transcrição e adaptação: Regiane Calixto


ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE (12) 3186 2600

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo