Fazer bem a vontade de Deus

Padre Ezequiel
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN
Com a Santa Missa da Quarta-feira de Cinzas iniciamos a Quaresma: tempo de fazer de tudo a vontade de Deus. O Evangelho de ontem nos ensinava a ficar atentos para não praticarmos a justiça na frente dos homens para sermos vistos. A prática cristã é discreta, que o Senhor nos pede para fazer. Não precisamos fazer nada para que sejamos vistos pelas outras pessoas.

O bem é difusivo, ele se difunde de forma discreta. E o mal é sedutivo, ele nos puxa. Por isso, a prática da justiça é próprio daquele que quer fazer a vontade de Deus, não a sua vontade. Não precisamos ser notados!

Quando você der esmola não toque trombeta diante de você. A esmola, a oração e a penitência são a relação que nós temos com o Senhor. Para estar de bem com Deus, precisamos estar de bem com nós mesmos. A penitência é o controle, é treinar saber nos controlar.

Quantas pessoas não se encontram nunca? Isso acontece porque elas não têm controle quanto às tensões desta vida, quanto às tentações… Por que não comer carne na Quaresma? Poderia ser outra coisa. Mas a intenção é abster-se de algo que nos seduz, que é comum principalmente no sul do país, onde eu moro e o churrasco é muito comum.

Nós não devemos ser do mundo, devemos ser de Deus no mundo! Perdoar a nós mesmos e às pessoas que nos feriram nos ajuda a estar bem com o Senhor e a viver segundo a Sua vontade. Para fazer o bem, precisamos nos abrir para o outro – isso é a esmola.

"Nós não devemos ser do mundo, devemos ser de Deus no mundo!"
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN

O mundo nos faz pensar em nós mesmos, nas nossas coisas, nos nossos problemas… A relação de esmola que a Igreja propõe vai muito além do dinheiro; é doar-se pelos irmãos, é lhes estender a mão.

Ame antes o outro do que a si mesmo. Assim você vai se perceber amado por Deus! Quanto mais nos aproximamos de Jesus, tanto mais ganhamos a capacidade de nos doar para os outros sem esperar nada em troca.

A nossa relação com Deus depende da nossa relação conosco e com os outros e é a oração que permeia tudo isso. Precisamos conversar com o Pai para que Ele possa nos ajudar. Na meditação da Palavra de Deus, o Senhor mostra o que quer de nós.

Mas também não podemos pensar que Deus não ouve nossa oração. Ele ouve tudo, se não o atendeu ainda é porque você não está pedindo direito! É difícil chegar à esmola, à penitência e à oração profunda com o Senhor. É difícil perdoar quando alguém nos machuca demais… A certeza fundamental que temos de ter é a confiança no amor do Pai.

"A certeza fundamental que temos de ter é a confiança no amor do Pai"
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN

Se nós temos capacidade de amar é poque Deus nos capacitou. Deixe-se amar pelo Pai para transbordar o Seu amor.


Acompanhe as pregações pelo twitter @cancaonova e
retuite a mensagem que mais falar ao seu coração.

ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186 2600

Veja também:

:: Leia este conteúdo no Iphone
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo