Fé que restaura vidas

José Gentil Pires – Bth
Foto: Maria Andrea/cancaonova.com

Sabemos que a fé, para restaurar vidas, não pode ser uma fé qualquer, já que a restauração exige disciplina. Restaurar é voltar à imagem original.

Sabemos que não é fácil estarmos abertos à restauração, pois exige de nós uma abertura total.

O Papa Emérito Bento XVI, nos convida a irmos até o poço da Samaritana e bebermos da água que Jesus nos oferece.

Quando observamos a genealogia de Jesus, percebemos que Mateus quer nos apresentar o Jesus Rei. Já Marcos quer nos apresentar o Jesus Servo, neste Evangelho não está escrito a geneaologia de Jesus. Lucas escreveu o Evangelho para os pagãos gregos, ele nos apresenta o Jesus Homem. Já o apóstolo João escreve com o desejo de apresentar o Jesus Deus. A partir disso, esses quatro homens – nesta visão – apresentam a figura de Jesus nos Evangelhos.

“Tomado, novamente, de profunda emoção, Jesus foi ao sepulcro. Era uma gruta, coberta por uma pedra Jesus ordenou: Tirai a pedra. Disse-lhe Marta, irmã do morto: Senhor, já cheira mal, pois há quatro dias que ele está aí.. Respondeu-lhe Jesus: Não te disse eu: Se creres, verás a glória de Deus? Tiraram, pois, a pedra. Levantando Jesus os olhos ao alto, disse: Pai, rendo-te graças, porque me ouviste. Eu bem sei que sempre me ouves, mas falo assim por causa do povo que está em roda, para que creiam que tu me enviaste. Depois destas palavras, exclamou em alta voz: Lázaro, vem para fora!” (Jo 11, 38-43).

Que neste dia você possa trazer seus problemas, tudo que está te aprisionando. Jesus quer te trazer para fora, para a Vida! Todo momento chega em nossa comunidade filhos e filhas arrebentados pelas drogas, pela prostituição. O que nós fazemos em Bethânia é dar Deus para as pessoas. Dê Deus para seus filhos, para as pessoas. Retire as faixas que estão envolvendo a sua vida.

Sei que não é fácil permitir ser restaurado, pois a restauração passa pela educação. A comunidade nunca será uma "clínica". Mas, sim, uma casa de acolhimento educacional. Esse era o desejo do nosso Padre Léo.

Lá em Bethânia ensinamos desde o sentar até a formação para a vida. Aprendemos a rezar, a se portar diante das pessoas. Bethânia é um jeito de viver.
 

É a fé que restaura vidas. Nós, consagrados de Bethânia, acreditamos que aquele jovem tem jeito. Nunca desistimos de ninguém.

Dez anos aquele menino que vivia se drogando, soro positivo, já na beira da morte… Veio para fora! Hoje, sou pregador, escritor e pai de muitos filhos de Bethânia. Tem jeito ou não tem?

"Para quem tem um coração curado, o câncer, o HIV, se tornam um nada", afirma José Gentil
Foto: Fotos CN / Maria Andreia

 :: Veja fotos no Flickr
:: Veja + fotos também no Facebook

 

Não importa a situação que você está vivendo, você pode ser Bethânia. O que Deus quer é a cura do nosso coração. Muitos podem estar se perguntando: "Mas, e o seu HIV?" Tenho a dizer a vocês: "Para quem tem um coração curado, o câncer, o HIV, se tornam um nada, pois para Deus o mais importante é a cura do coração. O resto é resto!"

Peça a Deus que Ele te restaure, que trabalhe em seu coração. Peça a Ele o seu impossível, pois Deus pode!

A nossa fé não é pequena, mas sim uma fé que pode tocar no impossível. Creia!

 

 

 

Transcrição e Adaptação: Carlos Biajoni (@cncarlos)

 


José Gentil Pires


Missionário da Comunidade Bethânia

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo