Fomos escolhidos

Ouça: \”Muitos dos nossos antepassados quiseram ter a oportunidade que temos…\”

Não podemos viver na mentira aqui na terra. Não podemos nos enganar, nem enganar a outros. No evangelho de hoje, vemos o questionamento dos discípulos: \”Por que tu falas ao povo em parábolas?\” (Mat. 13,10), ao que Jesus diz para eles: \”Porque a vós foi dado o conhecimento dos mistérios do Reino dos Céus, mas a eles não é dado\”.

Hoje, temos a oportunidade de ter a Bíblia em nossas mãos, mas lembremos de quantos dos nossos antepassados não tiveram esta oportunidade. É através da Palavra de Deus que vamos conhecendo mais e mais o Senhor.

A primeira leitura fala daquele povo que, ouvindo a voz de Deus, não faz a Sua vontade, pelo fato de deixarem as águas que Deus tem a oferecer por cisternas. Se tenho um copo nas minhas mãos, cheio de água, eu posso dar de beber aos meus irmãos. Quanto mais tenho de Deus, mais das Suas graças eu posso oferecer aos demais.

Quantas pessoas me ligam? Quantas me mandam e-mails pedindo ajuda? Eu fiquei pensando: \’Senhor, será que basta só rezar? Será que elas não precisam de um abraço?\’ Ao que o Senhor me ensinou que muitas coisas estão longe do nosso alcance e que certas situações só podemos entregar nas mãos d\’Ele.

O Senhor está nos dando a graça de enxergar essa realidade: Precisamos entregar as nossas vidas a Ele. Não podemos nos privar disso.

Eu, hoje, sou padre na Canção Nova porque eu passei por dificuldades no passado que me deram têmpera, me deram maturidade. Essas situações com que eu buscasse mais a Deus e entendesse que aqui é o meu lugar. Não tenham medo das dificuldades! Hoje, com a graça de Deus, mesmo diante dos sofrimentos, eu posso estar celebrando para vocês.

Transcrição e áudios: Claudenilson José
Fotos: Paulo Sérgio

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo