Maria, intercessora junto a Deus

"Segurar num terço é segurar nas mãos da Mãe."
Foto: Robson Siqueira/cancaonova.com

"Entrando, o anjo disse-lhe: Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo" (Lc 1,28).

A Palavra de Deus, hoje, é muito especial para o meu coração, porque ela vem para nos fazer entender algo sobrenatural: o encontro do anjo Gabriel com a Virgem Maria. É por meio desse encontro que o anjo chega saudando Nossa Senhora: "Ave, cheia de graça, o Senhor é contigo".

Maria perturbou-se com essa saudação, mas, em seguida, o anjo lhe deu a garantia de que era um chamado de Deus. Ela não tinha dúvida de que o Senhor a preparara para esse encontro e, por isso, não teve medo de olhar para ele. Nesse momento, o coração dela ficou cheio da graça de Deus.

Deus pensou em nós quando enviou o anjo a Maria. O amor d'Ele é tão grande que não quis que ficássemos sem mãe. Uma Mãe que tomasse posse da nossa dor, das nossas chagas, das nossas preocupações e as apresentasse a Jesus. Ela nos ensina a amar o seu Filho. O desejo de Maria não é reter nenhuma graça para Ela, mas nos levar a ser íntimos de Jesus. Assim nasce uma oração muito importante para nós: a Ave-Maria.

Nessa oração, percebemos que a vontade de Maria vai se rendendo à vontade do Senhor. Nesse momento, o anjo sai de cena, e eis que Nossa Senhora se torna um sacrário vivo de alguém tão especial, que é o Salvador. O primeiro sacrário da terra é o útero de Nossa Senhora.

A nossa Ave-Maria não é uma oração qualquer, mas uma oração do céu. Ela nasceu de uma intimidade profunda de Maria com Deus; é uma oração de poder. Por isso, quando rezamos, estamos repetindo as palavras de São Gabriel. É uma oração com fundamento bíblico. Rezar o rosário é um pedido de Nossa Senhora, é algo que, realmente, muda a vida de alguém. Homens e mulheres que rezam o rosário, diariamente, são pessoas diferentes. Por isso, quando fazemos essa oração, vamos adentrando no mistério do transcendente e começamos a entender que a única coisa boa na vida, que nos traz prazer, é fazer a vontade de Deus.

O inimigo, sabendo disso, tem investido pesado nas nossas vidas para que não rezemos.

Cada Ave-Maria que você reza, é uma rosa que se exala de sua boca.
Foto: Robson Siqueira/cancaonova.com

Maria quer entrar em nossa casa hoje. Este é o mês de Nossa Senhora Aparecida e de Nossa Senhora do Rosário, um mês em que a Igreja toda se volta para Maria. É por isso que o inimigo não quer que você reze o rosário, porque ele não suporta ver alguém com um terço na mão.

Quando a Virgem Maria entra na vida de um leigo, de um consagrado, Ela sempre leva a redenção para a vida dessa pessoa. Cada Ave-Maria que você reza, é uma rosa que se exala de sua boca. Por isso, o rosário é um resumo do Evangelho e até o mais pobre pode proclamá-lo. Segurar num terço é segurar nas mãos da Mãe. Quem invoca Nossa Senhora em alguma situação não perde, de forma alguma, essa causa, porque Maria é a porta do céu, Ela é a Mãe Rainha, o caminho que nos leva a Jesus.

 

Por que muitas casas estão vazias, por que muitos casais têm perdido o sentido de viverem juntos? Porque não levam Maria para a sua casa. Quantos testemunhos eu tenho de mulheres que, depois de rezar uma Ave-Maria, mudaram muitas coisas na vida delas!

No terço, há uma união do Pai e da Mãe quando eu professo a minha fé. Essa é uma oração que tem o poder de curar, de libertar e salvar. Ela tem o poder de operar milagres, porque é uma súplica ao Pai.

Quando eu rezo esta oração para mulheres que não podem engravidar, elas me ligam depois de algum tempo para me dar a notícia de que estão grávidas. Quando eu rezo as Ave-Marias diante de um doente e o coloco dentro do coração de Nossa Senhora, tenho certeza de que presencio o milagre de Deus. Ele não nos deixa sem resposta quando fazemos um pedido à Mãe.

Você não está só, Maria está intercedendo por você. Quanto mais rezamos o terço, mais temos experiência daquilo que é sagrado. Quando temos Maria ao nosso lado, o nosso coração é amado pelo céu, porque a oração nos faz transcender. Muitas coisas não compreendemos, mas quando rezamos, "cai por terra" tudo o que não estava em nossa compreensão e passamos a enxergar além de nossa vida. Só podemos ser felizes se realizarmos a vontade de Deus.

Transcrição e adaptação: Michelle Mimoso


Irmã Zélia Garcia Ribeiro


Missionários de Santa Teresinha do Menino Jesus

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo