Meu coração, estábulo onde nasce Jesus

Deus nos escolhe por inteiro

A missão de Jesus é salvar, transformar, amar, curar, libertar e evangelizar para mudar o coração de cada um de nós. O coração é a "sede" da nossa alma, mas Ele nos escolheu por inteiro. O Senhor veio para nos salvar inteiramente e escolheu todo o bem que existe dentro de nós, e isso quer dizer que Ele escolheu também todo o mal que há em nosso coração.

Jesus sente um amor enorme por nossas fraquezas e misérias. Quando Ele vê o bem que existe dentro de nós, Ele vê a caridade, a alegria, a paz, a misericórdia, mas também o mal. Deus é apaixonado pelo pecador, essa criatura dividida entre o bem e o mal.

Cristo estava num diálogo complicado com os fariseus e explicou a eles sobre a questão da vida nova, da salvação:

"Porque é do interior do coração dos homens que procedem as más intenções, imoralidades, roubos, assassínios, adultérios, cobiças, perversidades, fraudes, desonestidade, inveja, difamação, orgulho e insensatez" (Mc 7, 21-22).

O Senhor é determinado a fazer com que eu e você entendamos que Ele veio para transformar o coração do homem. Por isso, não adianta fazer o caminho inverso e esconder o que há em nosso coração.

Estamos celebrando o Natal, e o nosso coração é o lugar em que devemos dizer a Ele: "Jesus, vem nascer em mim". Nosso Senhor nasceu num estábulo para dizer que não tem medo de nascer no "estábulo", que é nosso coração. Ele quer nascer no meio de nossas misérias, fraquezas, solidão e do "inferno" que há dentro de nós. Talvez você se encontre num momento de grande tentação, por isso diga: "Feliz Natal"! Erga seus braços e diga: "Vem, Jesus, vem nascer em mim, no meu coração!"

Nosso Senhor não veio para os sãos, mas para os doentes. Ele sabe quais são as doenças de nossa alma, de nosso coração.

Eu não sei o que o mundo fez com você, mas não tirou a alegria do nascimento de Jesus do seu coração. Mas você não precisa ter medo, porque Ele escolheu o seu coração para nascer. Não invente um lugar que não existe, Ele quer transformar a sua vida, libertando você de toda hipocrisia.

Quando Jesus fala comigo e com você, Ele está falando da religião do coração. Mais do que nunca, o nosso coração é a manjedoura.

"Senhor, Tu nasceste em meio a tanta miséria, em meio à palha e ao mau cheiro, para me mostrar que eu não preciso ter medo. Nasça em meu coração, Jesus, pois ele é o meu estábulo". Amém.

Nós aprendemos com o mundo uma "mentalidade mundana", ou seja, nós recebemos uma infinidade de informações sem que tenhamos tempo de dizer se queremos ou não recebê-las, sem pensar se elas nos fazem bem ou não, e assim, acabamos vivendo na superficialidade. A nossa mentalidade está sendo deformada. Se o mundo é de aparência, nós acabamos confundindo as coisas, e tentamos criar uma "verdade mundana". Você não pode viver de aparências com Deus, porque vai chegar um ponto em que você vai começar a ficar tão deformado que Ele não vai reconhecê-lo.

O seu lugar é o céu e lá você precisa chegar com o rosto que o Senhor lhe deu. E para que isso aconteça, é preciso que nosso Senhor passe pelo seu coração do jeito que ele está. Talvez, Ele já tenha chegado pertinho de você, mas você lhe disse que não estava preparado para recebê-Lo, e acabou deixando para depois.

Neste Acampamento de Ano Novo, venha viver junto conosco o tema "Deus cuida de mim". Faça a verdadeira oração, pois o Senhor não vê as aparências, apenas o coração. Diga a Ele que no seu coração só há miséria, fraqueza, insegurança e frieza. Assim, Ele o reconhecerá verdadeiramente.

Deixe Jesus nascer em seu coração agora, porque Ele está na dor física, na alegria, na conquista. O Senhor está também na sua tristeza. Não fuja deste amor, não fuja de Jesus Menino!

"Nasça, Senhor, em mim, no meu coração. Tenho medo de lhe abrir meu coração. Faça acontecer o Natal em mim pela primeira vez na minha vida, e que seja um Natal de verdade."

Deus quis nascer em nós para cuidar de nós.


Adquira em nosso shopping:

.: Livro: Eu acredito em milagres, Gabriel Chalita

.: Livro: Buscai as coisas do alto , Padre Léo

.: CD: Cantarei Vitória, de Ricardo Sá

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo