O maior de todos os dons é a caridade

Dom Benidito Beni
Foto: arquivo/cancanova.com
A palavra de Deus proclamada ilumina a vida do diácono. No primeira leitura, vemos a vocação de Jeremias . “Antes de formar-te no ventre materno, eu te conheci; antes de saíres do seio de tua mãe, eu te consagrei e te fiz profeta das nações.”

A origem da nossa vocação não está aqui na terra, mas está no alto, a nossa vocação não se dá no tempo, mas na eternidade, Portanto nossa vocação tem origem, e essa origem é Deus. Deus chama, Deus escolhe, é um dom gratuito dado por Deus.

Assim como Jeremias foi sinal de contradição, Jesus Cristo também foi sinal de contradição, assim como Jeremias sofreu por causa da Palavra e Cristo também.

São Lucas coloca a revelação do ministério de Jesus. ““Em verdade eu vos digo que nenhum profeta é bem recebido em sua pátria.

25De fato, eu vos digo: no tempo do profeta Elias, quando não choveu durante três anos e seis meses e houve grande fome em toda a região, havia muitas viúvas em Israel. No entanto, a nenhuma delas foi enviado Elias, senão a uma viúva que vivia em Sarepta, na Sidônia. ”

Cristo é tesouro escondido. Toda vez que um ser humano ler o antigo testamento, ele desce um véu. São Jeronimo afirmou, que quem ignorar a sagrada escritura, ignora a Deus.

A missão sempre enfrenta obstáculos, a missão de Jesus, dos apóstolos e hoje a missão da Igreja enfrenta muitos obstáculos. Hoje a mentalidade de que a presença de Cristo não existe. Hoje a Igreja sofre a perseguição religiosa, mas acreditamos que pela a força do Espírito vencemos.

"Sejamos discípulos de Jesus", motiva Dom Beni.
Foto: arquivo/cancanova.com

Na segunda leitura Paula usa duas palavras, “Igreja corpo de Cristo” e “Igreja” Assim como a cabeça provê a vida para o corpo, assim também é a cabeça , cristo que leva vida para o resto do corpo.

“Se eu gastasse todos os meus bens para sustento dos pobres, se entregasse o meu corpo às chamas, mas não tivesse caridade, isso de nada me serviria. A caridade é paciente, é benigna; não é invejosa, não é vaidosa, não se ensoberbece; não faz nada de inconveniente, não é interesseira, não se encoleriza, não guarda rancor; não se alegra com a iniquidade, mas se regozija com a verdade. Suporta tudo, crê tudo, espera tudo, desculpa tudo.”

A Igreja é viva, porque tem diversos carismas, o carisma, é um dom que Deus dá a pessoas em favor da Comunidade, depois que São Paulo fala dos carisma, e Paulo ainda diz que o carisma maior é a caridade. A importância de todos os carismas procede da sua ligação intima com a caridade.

A Igreja confiou aos diácono o ministério da proclamação da palavra, do batismo, da assistência ao matrimonio, mas tudo isso tem que está baseado na caridade.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo