O Sangue mais eloqüente

"Em verdade, não vos aproximastes de uma montanha palpável, invadida por fogo violento, nuvem, trevas, tempestade, som da trombeta e aquela voz tão terrível que os que a ouviram suplicaram que ela não lhes falasse mais. Estavam verdadeiramente aterrados por esta ordem: Todo aquele que tocar a montanha, mesmo que seja um animal, será apedrejado (Ex 19,12). E tão terrível era o espetáculo, que Moisés exclamou: Eu tremo de pavor (Dt 9,19). Vós, ao contrário, vos aproximastes da montanha de Sião, da cidade do Deus vivo, da Jerusalém celestial, das miríades de anjos, da assembléia festiva dos primeiros inscritos no livro dos céus, e de Deus, juiz universal, e das almas dos justos que chegaram à perfeição, enfim, de Jesus, o mediador da Nova Aliança, e do sangue da aspersão, que fala com mais eloqüência que o sangue de Abel" (Hebreus 12, 18-24).

O sangue de Jesus derramado por nós na cruz é mais eloqüente que o de Abel, porque foi derramado por causa da nossa injustiça, foi o pecado de cada um de nós, somado que matou Jesus. O sangue de Jesus clama a misericórdia, e Ele está vivo, ressuscitou!

OUÇA: "O Senhor terá que tratar com justiça aqueles que não querem saber da misericórdia"

Meus irmãos, Jesus está no céu clamando misericórdia porque a justiça de Deus é misericórdia. Jesus é a misericórdia do Pai humanizada. Ele é justo, vai ter que tratar com justiça aqueles que não querem misericórdia. Ele sendo misericordioso não deixa de ser justo, mas Deus nestes tempos está usando da sua misericórdia, então é desse sangue que nos aproximamos, do sangue mais precioso e mais eloqüente porque Ele clama ao céu misericórdia.

"Senhor obrigado porque eu posso me aproximar Jesus e de teu sangue precioso que clama ao céu pedindo misericórdia sobre mim. Lava meu corpo, mas lava ainda mais a minha alma, o meu espírito para que eu seja ainda mais purificado”.

Jesus se aproximava dos cobradores de impostos, prostitutas, e não apenas se aproximava, mas estava com eles, comia com eles. O povo reclamou com os discípulos de Jesus dizendo que o Mestre deles andava com pecadores. E Jesus teve que dizer: “Eu vim não para os justos, mas para pecadores”. Por que é que Jesus ia aos pecadores? Porque Ele é a misericórdia do Pai.

Naquela época o leproso era considerado impuro e vivia nas margens dos rios, e ali se formavam aldeias de leprosos. Betânia era uma aldeia de leprosos, Lázaro era leproso e morava lá, e Jesus freqüentava a casa dele. O leproso, segundo eles, era uma pessoa que estava sendo atingida pela justiça de Deus, castigada porque ele ou os pais pecaram.

Jesus fazia da casa de Lázaro o seu refúgio, por que isso? Porque Ele é própria misericórdia. Para eles leproso era aquele que tinha sofrido a ira de Deus, e Jesus não somente se achegava a eles, mas ficava na casa dele que era impuro. Mas hoje Jesus quer visitar a casa de todos os impuros. Talvez até a sua casa esteja assim, eu não estou julgando, mas talvez você tenha um marido alcoólatra, uma filha que você ama num caminho errado, um filho nas drogas, ou talvez seja a esposa a errada e a sua casa acaba sendo uma casa impura onde reina uma vida de pecado, mas Jesus quer visitá-la. Jesus quer visitar e permanecer na casa de todos os impuros.

OUÇA: Diácono Nelsinho diz: o primeiro passo para a cura é reconhecer que está doente

Jesus está visitando os seus, Jesus está visitando a sua casa. Não se esconda de Deus, deixa Deus ver aquilo que você carrega de fragilidade. O Senhor quer libertar você. Talvez você carrega sentimentos de culpa por um aborto que cometeu e já até se confessou, mas o inimigo continua te acusando e você tem dito para si mesma: "eu não me perdôo". Jesus está visitando você.

Você talvez esteja agora em adultério, lesbianismos, homossexualismo atrás de amores errados cultivando, coisas através da internet, o Senhor Jesus está aqui não para te condenar, mas para cancelar seu pecado. Há muita gente mal por causa das conseqüências do pecado, qualquer doença tem sintomas. Jesus não quer te condenar, mas te curar pelo seu sangue derramado na cruz. Aproxime-se de Jesus e não tenha medo de tocar em suas chagas.

Olha para essa imagem e veja qual das chagas você quer tocar. Ele está abrindo o braço direito para acolher você. O sangue está escorrendo pelos braços de Jesus, e depois que lhes tiraram as vestes, as chagas se abriram. Olha para o rosto d’Ele, quando Ele caía ia de rosto ao chão. Olha o rosto, as chagas que a coroação de espinhos deixou n’Ele. Se eu fosse você eu me ‘lambuzava’ do sangue de Jesus e pedia para Ele: “Eu quero ser uma criatura nova, não quero mais esconder-me de ti e nem de mim o meu pecado, eu quero ser purificado pelo teu sangue e começar uma vida nova, ajuda-me Senhor”.

OUÇA: Monsenhor Jonas fala aos irmãos evangélicos

Eu quero falar para meus irmãos evangélicos, aqui se prega um Evangelho verdadeiro, pastores de igrejas evangélicas já não pregam mais o Evangelho verdadeiro, não falam da conversão, do arrependimento. Todo aquele que está em Cristo é uma nova criatura. Mas infelizmente todos nós podemos voltar ao pecado, porque o inimigo anda ao nosso redor para nos devorar. Muitos dos meus irmãos evangélicos andam no relaxamento, porque acolheram a salvação, mas vocês ainda não morreram, então precisa lutar, porque o inimigo está nos rodeando, não vá nessa que você já é salvo, não! É por isso que muitos jovens evangélicos estão em uma vida depravada, vivendo uma sexualidade errada, para eles também é preciso assumir a castidade, não é porque você é uma nova criatura que você vai viver de qualquer jeito porque o pastor não fala mais nisso. Ou até mesmo alguns católicos falam, se você faz isso por amor não é pecado, isso é mentira. Pecado é pecado. Se você morrer no pecado, você será julgado e vai para o inferno, católicos e evangélicos.

“Com efeito, se aqueles que renunciaram às corrupções do mundo pelo conhecimento de Jesus Cristo nosso Senhor e Salvador nelas se deixam de novo enredar e vencer, seu último estado torna-se pior do que o primeiro. Melhor fora não terem conhecido o caminho da justiça do que, depois de tê-lo conhecido, tornarem atrás, abandonando a lei santa que lhes foi ensinada. Aconteceu-lhes o que diz com razão o provérbio: O cão voltou ao seu vômito (Pr 26,11); e: A porca lavada volta a revolver-se no lamaçal” (II Pedro 2,20-22).

“Como está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo” (Hebreus 9,27).

Meus irmãos vamos morrer uma só vez e logo depois da nossa morte virá o julgamento, não existe reencarnação. Se eu morrer antes da vinda de Jesus, logo serei julgado, e se tivermos vivendo uma vida de pecado, no julgamento seremos condenados.

Tem muita gente que diz que inferno não existe, Deus não quer que ninguém vá para o inferno, mas é preciso dizer que ele existe.

“Ainda não tendes resistido até o sangue, na luta contra o pecado” (Hebreus 12,4). Aqui está afirmando que não resistimos até o sangue na nossa luta contra o pecado.

“Estais esquecidos da palavra de animação que vos é dirigida como a filhos: Filho meu, não desprezes a correção do Senhor. Não desanimes, quando repreendido por ele; pois o Senhor corrige a quem ama e castiga todo aquele que reconhece por seu filho (Pr 3,11s)” (Hebreus 12,5-6).

Meu filho não despreze a correção do Senhor.

“E verdade que toda correção parece, de momento, antes motivo de pesar que de alegria. Mais tarde, porém, granjeia aos que por ela se exercitaram o melhor fruto de justiça e de paz. Levantai, pois, vossas mãos fatigadas e vossos joelhos trêmulos (Is 35,3). Dirigi os vossos passos pelo caminho certo. Os que claudicam tornem ao bom caminho e não se desviem” (Hebreus 12,11-13).

OUÇA: Missionário Cadu testemunha sua libertação

Ofereça o sangue de Jesus derramado na cruz em cada Eucaristia, reze, dobre os joelhos, crie calos para que aqueles que andam mancando não acabem destroncando, mas antes seja curado. Com a cura do espírito e das conseqüências do pecado em nós vão cair por si as outras enfermidades.

OUÇA: Oração de libertação com Ironi Spuldaro

Transcrição: Willieny Isaias
Áudios e fotos: Célia Grego


ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELO TELEFONE
(12) 3186-2600


Monsenhor Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo