Os braços do bom samaritano

Padre João Rosa
Foto: Wesley Almeida
Para vivermos a vida divina, em primeiro lugar é preciso vencer o pecado. Para isso é necessário ver Deus em tudo, desde nossas menores atividades diárias até as mais importantes. É nosso dever acreditar que tudo é providência de Deus, pois nada foge ao controle d'Ele.

Não devemos recorrer às saídas humanas para problemas que somente Deus tem a resposta. A renúncia à nossa vontade em detrimento a do Senhor é o que precisamos fazer, pois ao nos abandonarmos nos braços de Jesus é que nos encontramos.

Só o amor verdadeiro permite que esqueçamos de nós mesmos e nos leva ao encontro com Deus. Então, para sermos de Deus e vê-Lo em tudo é preciso amar o Senhor em todos os momentos.

Para sermos de Deus precisamos ser de Cristo. Quando nos comprometemos com o amor que Jesus trouxe a nós em sua passagem pela terra, nós buscamos a intimidade com Deus, partilhando seu amor com o Pai.

Não podemos inverter a ordem das nossas prioridades, pois, muitas vezes, estamos trocando Deus por outras coisas. E, com isso, deixamos o Essencial para nos atermos às coisas insignificantes.

Quando nos encontramos com a misericórdia de Cristo e compreendemos o que Ele veio realizar em troca da nossa salvação, nos vemos como pessoas novas, pois entendemos o verdadeiro amor de Deus por nós.

Jesus se despojou de Suas glórias por nós. E podemos vê-Lo através do bom samaritano, que saiu de seu caminho para vir ao nosso auxílio, estendendo a mão para salvar aquele moribundo jogado à beira da estrada. Assim, somos chamados a ser bons samaritanos para nossos irmãos que estão jogados pelo caminho desse mundo. Devemos ser canal de graça na vida dos que necessitam ter seu encontro com Deus.

"O cristão não nasce, ele se faz." diz Padre João Rosa
Foto: Wesley Almeida

A Comunidade Jesus Menino é como os braços do bom samaritano, que acolhe todo e qualquer irmão sem se preocupar com sua origem. Esse braço vai muito além da comunidade, pois não acolhe somente a vida visível, mas é também uma voz que ergue um clamor a favor da vida.

Assim como Jesus nos ensina, devemos amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos. Esse é o amor essencial, o verdadeiro amor que vem de Deus. Todos nós somos obras do Senhor; se não nos amamos, então não amamos a obra do Pai.

O Senhor pagou e pagará o preço pelo nosso cuidado, pois a nossa salvação é uma renovação diária, na qual Jesus se faz humano para que sejamos capazes de experimentar o amor de Deus.

É este amor que a Comunidade Jesus Menino cultiva e proclama. A vida vale por aquilo que é, especialmente aos olhos de Deus. Por isso, um dia, nosso Senhor se fez menino, mostrando que a vida é, sim, o maior bem de Deus, por isso devemos zelar por ela.


Padre João Rosa


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo