Peregrino de Deus rumo ao céu

Padre Wagner Ferreira
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com
O céu é a vida de Deus, por isso nós podemos afirmar que, mesmo sabendo que devemos experimentar essa vida de forma plena, aquele que cultiva a comunhão com Deus sabe onde está seu destino.

Santo Agostinho nos diz que o coração humano só encontra a sua plenitude no louvor de Deus, porque o Senhor nos fez para Ele e nosso coração não descansará enquanto não repousar n'Ele.

Deus nos criou, por isso, nossa origem e nosso destino é o próprio Pai. Nós somos peregrinos de Deus, trazendo no coração um desejo de realização, mas jamais esquecendo que nosso verdadeiro repouso só será alcançado por intermédio da comunhão eterna com Nosso Senhor.

O Pai nos dá a graça de saborearmos o céu em vida, pois aqueles que, pela fé, cultivam a união com Deus, já saboreiam o céu.

Quem já fez uma experiência concreta de felicidade e realizações? Se a experiência que você fez aqui valeu a pena, não se empolgue ainda, porque a experiência feita no céu será muito melhor.

Nós precisamos orientar nossa vida para a glória de Deus. E, dessa forma, Jesus nos ensina que devemos viver como bem- aventurados.

O bem-aventurado tem Deus como sua riqueza, ele não coloca a esperança da sua felicidade no poder ou no dinheiro. Os pobres de espírito cultivam a humildade, como pessoas que colocam em Deus a sua confiança e o sonho de suas realizações.

"Seja fiel a Cristo", exorta padre Wagner Ferreira
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

:: Veja mais fotos no Flickr ::

O sofrimento é próprio do cristão, mas é preciso passar pela experiência da dor agarrados a Deus. É claro que Nosso Senhor não quer masoquismo da nossa parte, mas devemos buscar, inclusive com ajuda da ciência, os auxílios necessários para nossa cura e restauração.

A fidelidade a Cristo nos leva a compartilhar o mistério do Seu sofrimento. Peça a graça de permanecer fiel ao Senhor na hora da dor e do sofrimento, pois bem -aventurados os que choram, pois serão consolados.

Existem pessoas que, mesmo em meio às tormentas e tribulações, conseguem seguir calmas. Essa é a mansidão de quem se deixa conduzir pela Palavra de Jesus.
Aquele que experimenta a mansidão de Deus, mesmo em meio às tribulações e tempestades, consegue se decidir pela verdade do Pai.

O cristão que busca a justiça será recompensado com a eternidade; assim como todo aquele que não se compromete com o suborno e falsas promessas o será. Os misericordiosos são aqueles que, pela sua vida, testemunham o amor de Deus.

Os bem-aventurados conseguem compreender as limitações humanas e se compadecem do outro procurando proporcionar a reconciliação. Assim como o puro de coração que não deixa que as impurezas entrem em sua vida.

Feliz daquele que é capaz de superar as tentações, pois dele será o Reino dos Céus. O céu começa aqui, então tome posse do seu lugar no céu, como um peregrino de Deus. Seja manso, humilde, justo e paciente; dessa forma será recompensado com a eternidade ao lado do Pai.

Transcrição e adaptação: Gustavo de Souza


ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELA TELEFONE
(12)3186-2600



Padre Wagner Ferreira


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo