Permanecer na Palavra

Missa de encerramento da 44ª Assembléia Geral da CNBB
Com intenção especial pelo XV Congresso Eucarístico Nacional


function open_gl(param){window.open(\’http://200.168.231.201/portal/canais/galerias/index.php?id=\’+param,\’\’,\’width=537, height=478, toolbar=no, status=no, menubar=no, scrollbars=no, resizable=no\’);}[+ fotos desta Missa]
[Ouça homilia de Dom Geraldo na íntegra]

Na homilia, inspirado no Evangelho do dia, Dom Geraldo refletiu que \”permanecer na Palavra\” é um dinamismo de incessante purificação para uma mais plena fecundidade. Ser rebento daquela videira da qual Ele, Jesus Cristo, é a raiz. Por Ele se encontra o fazer criativo, o poder de luz e vida da Palavra. \”Nós somos os ramos\”. \”Sem mim nada podeis fazer\”. Somos uma videira, com Ele, uma videira entre nós: fraternidade. Nada sem Ele, mas nele muitos frutos, recíproca abertura, mesmo no pluralismo.

\”Aqui estivemos reunidos, em nome de Jesus, diante de muitos desafios. Muito nos preocupamos com a nossa juventude, com a formação dos prebíteros, com os anseios de nossos agentes de pastoral, os pobres, com todos, com o mundo em que vivemos. Jesus Cristo Ressuscitado é a nossa alegria. Ele venceu a morte e todo o mal. Ele vive em nós. Ele venceu. Também venceremos nós\”, diz o cardeal Majella.

Fonte: CNBB


Dom Geraldo Majella Agnelo


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo