Precisamos abrir nosso coração ao perdão

Padre Alir Sanagiotto
Foto: Maria Andréa/cancaonova
Meus irmãos, criados por Deus, todas as pessoas nascem boas. Por isso é importante entrar na história de cada uma delas e conhecê-las. Isso nos ajuda a dar o passo para o perdão. A palavra "perdoar" é um processo, por isso é importante conhecer os fatos que aconteceram em nossa vida e que ficaram esquecidos.

Quantas pessoas precisamos perdoar! E perdoar não é esquecer, por isso é importante que coloquemos emoção quando perdoarmos, porque é a emoção que dará vida ao nosso perdão. Decidamos pelo perdão e o façamos com emoção, porque assim nos lembraremos, pois o perdão é algo muito importante.

Outra atitude é que perdoar é uma decisão, um ato de bondade, uma ordem de justiça. Há pessoas que dizem não perdoar, pois acham que só Deus perdoa. Se você não consegue, peça a ajuda de Deus, mas é preciso que você também faça a sua parte dizendo: “Eu o perdoo”. O Senhor nos pede para perdoar, e Ele nunca nos pediria algo impossível. Mas quantas vezes devemos fazê-lo? Disse Jesus: “Até setenta vezes sete”, ou seja, até você se libertar.

Hoje, há muitas orações de perdão. Então reze e comece a dizer que perdoa. O que fazemos com as pessoas que nos ferem? Agarramos e colocamos na prisão do nosso coração. Então, começamos a carregá-las. No entanto, o Senhor não nos fez para sermos presídios, por isso precisamos abrir nosso coração.

Quanto se gasta em remédio, em terapias, quando a causa está na falta de perdão! Você precisa se livrar dessa tortura; é preciso compreender que perdoar não é ser trouxa, não é ser fraco. Os fracos se vingam, os fortes perdoam. Quem perdoa é mais forte, pois se não perdoamos, nos nivelamos por baixo.

"Os fracos se vingam, os fortes perdoam"
Foto: Maria Andréa/cancaonova

A fórmula perfeita para perdoar, ensinada por Jesus, em Lucas 23,34: “Pai, perdoa-lhes! Eles não sabem o que fazem!”. Perdoar é declarar o outro inocente. Jesus estava no alto da cruz olhando tudo o que Lhe fizeram, mas os perdoou, porque viu que eram inocentes.

“Obrigado, Senhor Jesus, porque, como Deus, nos conhece e Sua Palavra nos liberta. Obrigado, porque nos deu o exemplo da cruz quando declarou todos inocentes. Ajude-nos para que nosso coração seja igual ao Seu, puro e saudável. Peço-Lhe, Senhor, que essa Palava se encarne em nós, seja um bússola a nos indicar o caminho certo. Que Seu Espírito Santo venha em socorro à nossa fraqueza. Obrigado, Jesus!”.

Quantas bênçãos recebemos! Vamos colocar no altar de Jesus as pessoas que nos ofenderam. Vamos dar aos nossos inimigos, àqueles que nos ofenderam, o que temos de melhor: entregá-los no altar do Senhor.

Transcrição e adaptação: Michelle Mimoso


 

Adquira essa pregação pelo telefone (12) 3186-2600


Conheça mais do nosso conteúdo:

:: WebTVCN, muitos vídeos para você
:: Gente de fé, a sua comunidade cristã de relacionamento
:: Podcasts: ouça áudios sobre variados assuntos
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo