Querer a sabedoria mais que tudo

Padre Paulinho
Foto: Arquivo CN

Que bom estarmos juntos para viver o maior mistério da nossa fé, a eucaristia. Hoje de maneira especial temos que tomar posse dessas leituras. Na primeira leitura o autor da sabedoria, vai relatando o que a sabedoria possui, no mínimo 22 atributos.

Deus ofereceu qualquer coisa para ele, e ele escolheu a sabedoria. Se Deus nos dissesse peça o quiser, o que pediríamos a Ele? O que você pediria a Ele, a sabedoria ou bem materiais? Nós precisamos ser sábios, estar atentos aos sinais dos tempos, para viver neste mundo sabendo que nosso lugar não é aqui, que nossa vida é com Deus.

Quero apresentar alguns atributos que a leitura nos apresenta, o primeiro é que a sabedoria é amante do bem, como é bom nós escutarmos: “fulano é muito bom”, ou quando nos agradecem pelo bem que fizemos, isso é muito gratificante ao nosso coração. Devemos nos questionar, sou uma pessoa boa? Ou sou uma pessoa ruim? É certo que o pecado está em nós, que somos limitados. Sabemos que não somos tão bons, mas também sabemos que não somos tão ruins.

Acolher o evangelho é acolher Jesus, acolher o reino, para que sejamos portadores do bem e fizermos o bem em todos os lugares. Aquele que é cristão católico traz no seu rosto as marcas do Cristo. Com o nosso rosto deveríamos mostrar Cristo as outras pessoas. O meu rosto tem que mostrar o reino de Cristo.

Precisamos compreender a sabedoria que Salomão pediu, a fazer o bem aos outros. Como é difícil muitas vezes falar bem dos outros, por isso é um treino, falar bem, pensar bem, querer bem do outro. Quantas vezes em nosso coração passa sentimentos de raiva, de vingança. Quantas vezes desejamos o mal, temos inveja, ao invés de se alegrar com o dom do outro.

Se queremos uma unidade com os outros, precisamos ter unidade com Deus. Para querer bem o do outro, precisamos estar muitos íntimos do Senhor. Buscar as coisas do alto, para que a bondade que está em mim floresça na vida do outro.

Se na sua mente passa muito pensamentos contrários, volte seu olhar para Deus. Peça a Ele a sabedoria, para mirar seus olhos nas coisas que não passam.

Amigo dos homens: Uma amizade para que ela aconteça é necessário que seja de ambas as partes. Ninguém é amigo sozinho. Como é importante nós termos amigos na terra, muito mais sermos amigos de Deus, é essa amizade que nos conduzirá ao céu. Por causa do pecado nos tornamos inimigos de Deus, mas com a morte de Jesus voltamos a poder ser amigos de Deus. Quem é inimigo de Deus nunca será feliz, mas quem é amigo de Deus terá as coisas do céu.

Mais um atributo: a constância, somos tão inconstantes em nossos atos. As vezes decidimos algo e passa meia hora, já desistimos do nosso propósito. É preciso ter constância na oração. Quantas pessoas cansadas de rezar, pois não recebeu a graça que tanto está pedindo. Saiba que a sua oração não é perdida, que na hora certa o Senhor lhe concederá.

No evangelho Deus diz e”u estarei convosco em todo tempo”, esta é a nossa certeza, Deus estará conosco em todo tempo. Tem situações em nossa vida que não adianta brigar, só as venceremos com a oração.

Transcrição e adaptação: Regiane Calixto


Padre Paulinho


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo