Santos pelo poder da oração

Padre Wilson Vitorino
Foto: Robson Cerqueira/CN

O tema deste acampamento é “Quebrando as muralhas”, e pelo poder da oração é que nós derrubamos as muralhas que nos impedem de ver as graças de Deus. Para que uma pessoa esteja habilitada a dirigir, ela precisa saber as leis de trânsito, porque eu só obedeço aquilo que eu conheço. Para ser santo eu preciso saber o que é santidade.

Algumas pessoas tem uma noção de santidade que não é a da bíblia. A palavra santo vem do hebraico "kadoshi" e significa “reservado”, “separado”. Algumas pessoas dizem “padre, eu não consigo ser santo porque tenho muitos pecados”. É verdade, nós temos pecados sim, e São João já dizia na sua carta “aquele que diz não ter pecado é um mentiroso”. É verdade também, como diz o rei Davi no salmo 50 “o meu pecado está sempre à minha frente”. Então, relacionamos a santidade à ausência do pecado que está presente em nossas vidas.

Para lutar contra meu inimigo eu preciso saber quem é o meu inimigo, e São Pedro diz “sede sóbrios e vigilantes, porque o vosso inimigo, o demônio, ruge como um leão feroz procurando a quem devorar”, portanto, devemos sempre estar vigilantes, resistindo firmes na fé.

Ser santo significa ser separado para Deus. Nós temos pecados, claro, mas aí está a grandeza de Deus, Ele nos santifica apesar de nossas pecados. Os santos são aqueles que pecaram sim, mas acima de tudo buscaram a graça de Deus e venceram o pecado pelos méritos de Jesus Cristo.

Separado é romper com o mundo onde os valores do Evangelho são desprezados. Falar de santidade para algumas pessoas de Igreja parece uma coisa ultrapassada. As pessoas dizem “ah, as coisas mudaram”, mas o Evangelho ele nunca muda.

Ser santo é cada vez mais se aproximar do Trono da Graça, buscar a restauração de vida, porque Deus nos criou não para a morte, mas para a vida.

Vamos caminhar na história de um grande rei, o rei Ezequias.

“Naquele tempo, Ezequias foi atingido por uma enfermidade mortal. Veio o profeta Isaías, filho de Amós, ter com ele e disse-lhe: Eis o que diz o Senhor: Põe em ordem a tua casa, porque vais morrer; não sararás. Então Ezequias voltou-se para o lado da parede e orou ao Senhor, dizendo: Senhor, lembrai-vos de que andei fielmente diante de vós, e de que com lealdade de coração fiz o que é bom aos vossos olhos. E, dizendo isso, derramava abundantes lágrimas. Isaías não tinha ainda deixado o átrio interior, quando a palavra do Senhor lhe foi dirigida nestes termos: Volta e dize a Ezequias, chefe de meu povo: Eis o que diz o Senhor, Deus de Davi, teu pai: Ouvi a tua oração, e vi as tuas lágrimas. Por isso vou curar-te. Dentro de três dias subirás ao templo do Senhor.”

"Ser santo significa ser separado para Deus"
Foto: Robson Cerqueira/CN

Meu irmão, quando o inimigo ousa afrontar o Deus de Abraão, Deus se levanta do Seu Trono. E quando Deus se levanta do Seu Trono, o céu se enche de Sua glória e o inferno treme, pois o poder de Deus vai agir. O rei Ezequias, que estava numa cama quase morto e a cidade sitiada, clamou a Deus." (II Reis 20, 1ss)

Mesmo quando sabemos que estamos prestes a cair, devemos clamar a Deus porque Ele é o Deus poderoso, Ele é o Deus que nos escuta. Quando você sentir o pecado diante de você, chore diante de Deus, clame a Ele. Mesmo diante da sua fraqueza, se humilhe diante da mão poderosa de Deus, como fez o rei Ezequias, que chorou diante de Deus.

A Palavra diz que Deus viu as lágrimas de Ezequias antes mesmo do profeta Isaías sair de seu quarto, dizendo “Eis o que diz o Senhor, Deus de Davi, teu pai: Ouvi a tua oração, e vi as tuas lágrimas. Por isso vou curar-te.”

Deus nos vê, Deus escuta a nossa oração, o nosso clamor, porque nós não adoramos um Deus morto como alguns irmãos dizem por aí. Graças a Deus a Renovação Carismática veio trazer para nós esta experiência de louvor, de adorar a Deus com todas as nossas forças e com o nosso coração. Eu digo isto porque conheci a Deus na RCC, eu conheci a Igreja na RCC, e a Renovação Carismática é um movimento aprovado por Pedro, e se Pedro (o Papa) aprovou significa que está ligado no céu.

Meus amados, quando você sentir que as muralhas não estão caindo, quando você sentir que Ele não esta se aproximando de você, chore, rasgue o seu coração diante do Senhor como o fez o rei Ezequias, que era um rei mas que não se preocupou com a sua posição, ele se humilhou, ele expressou os seus sentimentos mais profundos.

Nós vimos que a historia de Ezequias terminou bem, porque ele foi curado e a cidade de Jerusalém poupada, mas cinco capítulos a diante, temos a historia de um outro rei: Sedecias. Diz a palavra que um grande exército, os babilônicos, tinha um rei chamado Nabucodonosor, que cercou cidade de Jerusalém. Se Ezequias chorou diante de Deus e teve suas preces atendidas por causa da sua luta e da sua humilhação diante de Deus, Sedecias fez o contrário, ou seja, não suplicou a Deus e abriu uma brecha no muro da cidade de Jerusalém e tentou a fuga, abandonando o seu povo. O rei foi preso, seus filhos degolados e ele levado cego para o cativeiro.

Ezequias rezou e lutou, Sedecias não rezou e tentou fugir abandonando o seu povo. Se nós não lutarmos não veremos a glória e a vitória de Deus em nossas vidas. Amados, qual o exemplo que eu quero seguir neste caminho de santidade? Jerusalém para nós significa a Igreja, que, por muitas vezes, está sendo sitiada, invadida pelos inimigos de Deus, mas qual será a sua decisão, lutar por ela ou abandoná-la. Acabou o tempo de católicos mornos, católicos que estão com um pé lá e outro cá. Seja fervoroso!


Padre Wilson Vitorino


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo