Senhor dá-me dessa água

Por que eu convidei vocês a beberem água junto comigo? Porque estamos em um tempo em que precisamos beber muita água ou então vamos ficar desidratados.
E porque vocês vieram aqui? Porque Jesus tem uma promessa para vocês e o nosso Deus é Jesus Cristo.

Jesus estava em uma grande festa, e era o último dia da festa, quando Ele deu aquele grito: "Quem tiver sede, venha até mim e beba". E que festa era esta? Era a festa das cabanas ou festa dos tabernáculos.

A festa que Jesus estava comemorando era de quando eles entraram no deserto, tinham muita sede e Deus deu de beber aos seus filhos. Eles precisavam continuar caminhando pelo deserto em busca da terra prometida. Por isso, Jesus diz" "quem tem sede vem a mim". Jesus é a "nova rocha".

No deserto da sua vida, onde você tem sede e muitas vezes busca saciar em fontes erradas, o Senhor está dizendo a você que Ele quer te saciar.

Eu não sei qual é a sua sede. Talvez você tenha buscado nas drogas, no sexo e em tantas outras coisas. Mas eu te digo: só Jesus pode preenchê-lo. Diga comigo: "Mata, Senhor, a minha sede". Eu repito para vocês: esta profecia já está se realizando na sua vida agora, porque você está pedindo.

O que você tem procurado na sua vida é Deus. Dá uma olhada no seu rosto, veja como está acabado. O que você fez da sua vida? Mas não tem problema, Jesus está dizendo: "Venham a mim". Jesus quer te dar um rosto novo, brilhante.

A primeira coisa: "Quem beber desta água não morrerá, e terá vida em abundância". Você passa agora a compreender porque Jesus estava no Santuário com o povo e dizia: "Quem tem sede vem a mim".

É Jesus quem pode saciar a tua sede. Eu não sei por que você veio aqui neste encontro de Carnaval na Canção Nova, mas eu sei que o Senhor vai saciar a tua sede – e Ele quer saciar completamente. Todo aquele que beber da água que Jesus der, jamais terá sede. "Senhor, dá-me desta água". Mas que água é esta? É a água do Espírito Santo.

Eu me recordo que em 1985, eu tinha acabado de vir do grupo de oração, onde uma mulher dizia: "Eu recebi o Espírito Santo". E eu dizia: "Jesus, Jesus, Jesus". E Ele me deu o Espírito Santo.

Voltei para casa com muita sede naquele dia. Quando eu entrei no meu quarto e abri a Bíblia, caiu naquela palavra de Ezequiel: "profetiza sobre esses ossos, sopra o meu Espírito sobre essas ossadas". E eu disse ao Senhor: "Senhor, eu estou como esses ossos ressequidos, e só o Senhor pode me dar".

Ouça: Padre José Augusto testemunha como recebeu o batismo no Espírito Santo

Eu estava lá de joelhos, falando baixinho, e eu comecei a falar como aquela mulher do grupo de oração: "Jesus, Jesus, Jesus". E fui me deixando ser tomado. Tive uma imagem do céu se abrindo, vi o Espírito Santo como uma pomba, e quando aquela pomba me tocou eu disparei a rezar em línguas. E me senti tomado por Deus. Eu senti que eu entrei em Deus e Deus entrou em mim.

E eu disse: "Senhor, no dia de hoje, o Senhor matou a minha sede e eu não troco isso por nada". Depois disso, a minha vida mudou e mais tarde veio a minha vocação para o sacerdócio. Eu já não era o "José Augusto".

E eu não estou brincando. Estou falando muito sério para você. Eu não sou perfeito, tenho as minhas fraquezas, mas o mundo não me atrai mais. Na verdade, continua me atraindo, mas não é suficiente, porque Jesus é o meu mundo, e sem Jesus eu morro. A minha vida é Jesus! Ele é o fundamento da minha vida. Por isso, Ele diz: "Quem tem sede, vem a mim que eu dou".

Se você que ainda não recebeu, hoje, Jesus quer te dar, porque Ele tem que ser o fundamento da sua vida. Não pense que Ele vai tirar a sua alegria – muita gente pensa assim. Pelo contrário, o Senhor tira o fardo e só nos dá a alegria que o mundo não pode nos dar.

As pessoas que têm Jesus nunca ficam "no poço". É o inimigo que quer você no fundo poço. Jesus já tirou a muitos, e Ele quer dar essa alegria. Talvez você se sinta um pecador, mas é para você que Ele quer dar a alegria.

Eu ainda era seminarista e alguém me disse: "Olha ali, na capela. Lá tem um padre e você precisa rezar por ele". Eu fui lá, comecei a rezar por ele e disse: "Esqueça toda a teologia que o senhor aprendeu. O senhor precisa é do Espírito Santo. O senhor O quer?" Aquele padre estava precisando do Espírito Santo. Orei e logo depois eu pedi que ele rezasse por mim. Ele orou e depois começou a orar em línguas.

Eu voltei para a Bahia e depois de alguns anos eu estava por aqui e encontrei aquele padre. Eu sou meio esquecido, mas ele me procurou e falou: "Eu sou aquele padre que o senhor rezou por mim na capela". Eleme contou que naquele dia ele estava indo para a Polônia disse: "Naquele dia, eu recebi o Espírito Santo". E hoje ele é fundador de uma comunidade, é o "padre da misericórdia". 

Eu não sei se você vai ser o fundador de uma comunidade. Eu só sei que essa profecia vai se concretizar hoje na sua vida.

Oração de batismo no Espírito Santo

Transcrição: Célia Grego
Fotos: Lucilene Silva


Adquira essa pregação pelo telefone:
(12) 3186-2600

Padre José Augusto


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo