Somos o exército do bem

Padre Arlon Cristian
Foto: Foto: cancaonova.com/Robson Siqueira

Gente do bem não pode ter atitudes do mal, pois para ser gente do bem tem que ter boas ações. As pessoas precisam saber que somos do bem, que nós não estamos em uma brincadeira, pois ser bom é um estilo de vida, um chamado.

“Pois eu sou o Senhor, vosso Deus. Vós vos santificareis e sereis santos, porque eu sou santo. Não vos contaminareis com esses animais que se arrastam sobre a terra, porque eu sou o Senhor que vos tirou da terra do Egito para ser o vosso Deus. Sereis santos porque eu sou santo” (Levitico 11, 44-45). No entanto, o mundo prega o contrário. Hoje, as coisas do mal são boas para o mundo, mas o Senhor nos pede para não vivermos isso. Ele nos chama a sermos santos.

Preste atenção, menina, pois, na hora de se casar, o homem não vai querer uma mulher que foi de todos. Por isso, dê-se ao respeito, você é da estirpe de Nossa Senhora. Valorize-se!

Os jovens estão trocando a eternidade com Deus por cinco minutos de prazer. É isso que você quer para você? “Sede santos!”. A camisinha não é proteção contra a Aids; a verdadeira proteção contra esta doença chama-se santidade de vida, desejo do céu. Não deixe o céu por causa de um momento de prazer. Alguns rapazes dizem que se masturbam para não ficarem louco. Coitados! Depois, ficam com problemas de ejaculção precoce. É isso que você quer para a sua vida?

O pecado não nos deixa enxergar. É preciso pedir ajuda para voltarmos a seguir Cristo, voltar aos trilhos. Quando seguimos os passos de Jesus, nenhum inimigo nos vence. Se você está caindo, é porque se esqueceu de seguir o Senhor. Volte! Ainda há tempo. Vale a pena! Nenhum inimigo o vencerá. Não é o mal que vence o bem, é o bem que vence o mal.

Somos um exército de salvação de almas, por isso não andamos sozinhos. Você quer salvar seus amigos que estão perdidos? “O nosso general é Cristo, e nenhum inimigo nos resistirá”. O Brasil precisa desta manifestação de jovens que dizem 'não' ao pecado. Vamos vencer na manifestação do céu.

Relíquia do Beato João Paulo II é exposta durante pregação
Foto: Foto: cancaonova.com/Robson Siqueira

Leia João 21, 1-17.

Pedro tinha negado Jesus três vezes. Sabe quando nós erramos, mas não queríamos ter errado e ficamos nos culpando? Pedro estava assim. Quando Ele olha para Jesus, ele pensa: "Ele veio ao meu encontro". O apóstolo viveu essa experiência. O coração de Pedro é perdoado quando Jesus lhe pergunta três vezes: “Tu me amas?”. Quando nós pecamos, sentimos-nos como ele, e Jesus vem ao nosso encontro para dizer que nos ama. Deus quer tocar em nós. Quantas vezes traímos amizades, não amamos as pessoas que nos amam? Mas, hoje, Jesus vem ao nosso encontro e nos diz: “Jovens, eu confio em vocês, sois fortes!”.

Vocês são do exército de Deus, então, voltem-se para Ele. O Senhor não pode fazer nada com você se você não deixar. Deus espera o seu “sim”. Você não pode ir embora do jeito que chegou, então, diga ao Senhor que você quer mudar, pois precisa ser curado e liberto.

Deus vê o seu coração, Ele vê o tamanho da sua dor. O Senhor lhe diz: “Pare de se maltratar, pare de ser um objeto”. Estenda a sua mão a Deus e Ele fará um milagre em sua vida.

Assista a um trecho desta pregação:


Padre Arlon Cristian


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo