Ter um coração compassivo como o de Jesus

Foto: Vânia Regina/CN

Em Naim aconteceu este fato: uma viúva, que tinha um único filho (sua única esperança estava no filho), que era jovem e iria cuidar dela e de repente ele morre. Sua esperança morreu. Sua confiança, que estava no filho que iria cuidar dela, acabou. O que será desta mulher? [Lucas 7,11-17]

Na Sagrada Escritura Deus sempre tem um amor de predileção para com as viúvas e com os órfãos. Deus é o pai do órfão e o esposo da viúva. Há três anos sou órfão de pai e minha mãe viúva, posso dizer que Deus tem um amor de predileção por mim.

Mas não é só por mim, Deus tem um amor de predileção por cada um de nós. O Coração de Jesus tem compaixão pelo seu povo, quanto mais pecador, mas compaixão o Senhor tem. Deus tem um amor de predileção pelo pecador.

A Sagrada Escritura relata que o cortejo vai acontecendo e Jesus vem com os apóstolos, e quando Ele vê a condição que aquela mulher estava (ela estava só), o primeiro sentimento que Jesus teve foi a compaixão. Só faltou Jesus chorar também como ele chorou com a morte de Lázaro.

Nós não podemos ter medo de Deus, achando que Ele nos trata como animais. Deus não nos trata como O tratamos, Deus nos trata como filhos, com amor. Quando a lança transpassou o coração de Jesus, jorrou água e sangue do amor de Jesus.

Eu queria estar lá quando Jesus chamou o morto e o morto levantou, a alegria daquela mulher, sua esperança voltou. Jesus devolveu a alegria aquela viúva.

Na verdade a história dessa viúva é a história da nossa salvação, o pecado nos levou a morte. Nós éramos “mortos-vivos”, mas Deus se dignou em enviar Seu único ilho para nos tirar da morte do pecado. Só Jesus pode fazer isso, mais ninguém.

Hoje no confessionário, eu via entrando mortos, mortos de 5, 10 anos, mas eu via saindo vivos, todos saíram vivos. Pois é assim o coração misericordioso de Nosso Senhor Jesus Cristo, entramos mortos e saímos vivos.

Jesus vive aguardando. “Deus amou de tal forma o mundo que enviou seu filho único”, Ele veio para nos tirar da morte, agora Ele vive aguardando nossa iniciativa de irmos ao Seu encontro, para que Ele possa nos ressuscitar, nos dar vida nova.

Desde Adão, Ele perdoou todos, e agora Ele está esperando que cada pecador se dirija a Ele e peça, Senhor tem piedade de mim.

Há muitas pessoas tristes porque estão no pecado, e têm medo de se aproximarem do Senhor, achando que o Senhor vai estar de cara feia, com uma vara na mão, mas não. O Senhor estará com suas chagas abertas para mostrar que Ele quer te dar o perdão e te tirar do caixão.

“Na cidade de Naim tinha um morto e o morto levantou”. Eu quero que você saiba que o Senhor tem muita compaixão e a única coisa que Ele quer é te tirar da lama.

“Mas Deus, rico em misericórdia, pelo imenso amor com que nos amou, quando ainda estávamos mortos por causa dos nossos pecados, deu-nos a vida com Cristo. ( É por graça que fostes salvos! ) E ele nos ressuscitou com Cristo e com ele nos fez sentar nos céus, em virtude de nossa união com Cristo Jesus!” (Ef2,4-6)

Foto: Vânia Regina/CN

Eu vivia morto no pecado e um dia o Senhor me tirou. Não existe alegria maior na face da terra do que esta, de sabermos que estávamos na lama e o Senhor nos tirou, que Deus enviou Jesus para nos tirar do pecado, e nos dar a ressurreição, nos dar a vida nova.

Eu não sei por qual motivo você veio neste acampamento, talvez seja porque você queria uma cura, ou para resolver um problema, mas eu quero te dizer que mais do que isto, da mesma forma que o Senhor ressuscitou aquele jovem, com o mesmo amor que Ele teve compaixão daquela mulher, Ele não quer te perder de maneira nenhuma, Ele quer te dizer que teus pecados estão perdoados.

E a única maneira de você receber esta grande graça é você chegar diante dele e reconhecer seus pecados. Dizer para Ele que assim como Ele ressuscitou aquele jovem, você também quer ser ressuscitado. Que você quer ser livre para Deus.

Hoje o coração de Jesus se desmancha para você, pois as outras coisas Ele pode fazer, mas te levantar e te tirar do pecado, Ele só pode fazer se você quiser. Te curar, nem precisa falar, pois Ele faz, mas te tirar do pecado, Ele só pode se você quiser. Tirar este mal que te angustia, te faz mal, Ele só pode tirar se você quiser. “Eis que estou a porta e bato, se abrires eu entro.”

A maior tristeza do ser humano é não ter Deus no coração, mas o pecado impede Deus de entrar no coração do homem
. Paulo diz que nós devemos ter o mesmo sentimento de Cristo, o sentimento de Jesus foi o sentimento de compaixão, mas o homem está tão dominado pelo pecado que ele está se tornando frio. Estamos mortos até no amor para com o irmão, o homem não quer se abrir para a caridade, o importante sou eu, eu quero tudo para mim, o outro não importa.

Jesus se compadeceu daquela mulher, e deu para ela o que ela queria, seu filho. Hoje é muito fácil jogar o pecado do outro na internet, e onde está a compaixão? Há muitos cachorros que são bem mais tratados que o ser humano.

Por que estamos nos tornando frios? Porque estamos nos tornando egoístas, queremos tudo para nós, o irmão está morrendo do nosso lado, e nós não estamos nem aí. Que tenhamos os sentimentos de Cristo.

Foto: Vânia Regina/CN

O Sagrado Coração de Jesus vem querendo a miséria do homem, Ele vem salvar o homem perdido. O coração do homem está se tornando frio, precisamos ter um amor para com Deus, e também ter amor para com nossos irmãos. Não seja frio com seus pais e pais não sejam frios com seus filhos. Pois a compaixão precisa começar dentro de casa para se expandir para os vizinhos.

Quanto mais o irmão erra, mais amor ele precisa ter. Pois quem não erra? O que tem dentro do seu coração, compaixão ou ódio? Jesus pode tirar todos os sentimentos negativos, te dar um coração novo, a alegria de saber fazer o bem, de dar amor.

Jesus teve compaixão da viúva e o morto levantou. Neste encerramento do Sagrado Coração de Jesus, voltemos para casa amando aqueles que precisam ser amados.

Jesus só poderá fazer na sua vida, se você quiser. O que precisa existir entre nós é a compaixão. Nossa vida precisa se tornar num grande amor pelo irmão, pois em nosso coração deve existir os sentimentos de Cristo. Precisamos voltar para casa com compaixão no coração e não como o mundo nos quer, frios.

Se os cachorros estão sendo bem tratados, o ser humano precisa ser melhor ainda. A compaixão precisa ser resgatada no coração humano, pois estamos frios demais. Olhemos para o Sagrado coração de Jesus, que bate forte por nós, para que possa o nosso coração bater para o irmão também.

Peça ao Senhor que Ele te dê um coração compassivo.

 

Transcrição e adaptação: Regiane Calixto


Adquira essa pregação pelo telefone
(12) 3186-2600

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo