Todos serão discípulos de Deus

Padre Fabrício
Foto: Wesley Almeida

“Ninguém pode vir a mim se o Pai, que me enviou, não o atrair”. Jesus está anunciando que, antes de chegar a Ele, o Pai vai à frente atraindo-nos para Ele. Em outras palavras, só se chega a Jesus quem foi atraído pelo Pai; tudo está nas mãos de Deus. Disso nascem duas constatações e a primeira delas é que existe um movimento do Pai, uma atenção d'Ele de atrair a todos nós para o Filho. A isso damos o nome de salvação universal. É o querer de Deus de nos atrair para o Filho por meio do Espírito Santo.

É tão bonita essa aproximação que, além do projeto universal, há um processo pessoal de aproximação. Tamanho é o desejo de atração que Deus tem por nós – muito superior à atração dos namorados –, que ela não passa; ao contrário, só aumenta. O Senhor não se contenta com a atração universal, por isso, quis também a pessoal. Um testemunho disso é o exemplo de Felipe e o eunuco.

Deus é capaz de estabelecer um determinado momento para nos atrair para Ele. O Evangelho de hoje nos mostra que o Senhor vai usar de Felipe para um encontro com um eunuco. E essa Palavra nos mostra que há meios usados pelo Pai para nos atrair. Outro grande meio de atração que Ele usa para nos atrair a Seu Filho é a Igreja Católica Apostólica Romana. Mas, então, por que você ainda não fez a sua experiência com o Senhor? Porque, talvez, você ainda esteja na mesma situação em que o eunuco estava, ou seja, tem acesso à Palavra, mas ainda não teve seu encontro pessoal com Jesus.

O que determina o sucesso da atração até chegar a Jesus é a remoção dos obstáculos; mas, ao contrário, nós complicamos o processo de atração do Pai e nos tornamos peritos em criar obstáculos.

O primeiro obstáculo: “Eu não sou digno”. Você pode até achar que não é digno de ser atraído pelo Pai, mas a misericórdia de Deus não depende da sua vontade. Existe uma ação divina na sua direção, abra os olhos, acorde para a vida. Existe uma iniciativa do Pai que quer uma resposta sua, porque, mais cedo ou mais tarde, a misericórdia vai alcançá-lo.

'Tire da sua vida os obstáculos que o impedem de se aproximar do Senhor'
Foto: Wesley Almeida

Segundo obstáculo: “Não escutar”. Temos uma geração com a mão nos ouvidos, pois não quer ouvir, mas está vivendo uma sexualidade desregrada, distante de Deus. E da boca de quem tapa os ouvidos é comum ouvir a frase: “Quanto mais eu rezo, mais assombração aparece”. Isso acontece porque você está aprendendo mais.

Há muitos cristãos querendo escutar tantas coisas, mas não têm paciência de ficar uma hora participando da Missa. Perdem horas assistindo às novelas, mas não gastam meia-hora para ler a Bíblia.

Nós não podemos frustrar os planos que Deus tem para nós. Não temos o direito de dizer que somos sozinhos, pois temos Alguém que nos ama profundamente. O plano universal está estabelecido no Evangelho quando Jesus diz que “todos serão discípulos de Deus”. Se são todos, isso lhe dá o direito de ficar de fora? Se todos serão seguidores de Deus, o que você está fazendo empacado? Não temos o direito de ficar de fora, temos de corresponder à atração que o Pai tem por nós.

É Deus quem nos atrai, a força é d'Ele, mas tirar os obstáculos é responsabilidade nossa. Tire da sua vida os obstáculos que o impedem de se aproximar do Senhor.

Transcrição e adaptação: Michelle Mimoso


Adquira essa pregação pelo telefone
(12) 3186-2600

Conheça mais do nosso conteúdo:

:: WebTVCN, muitos vídeos para você
:: Gente de fé, a sua comunidade de relacionamento cristã
:: Podcasts: ouça áudios sobre variados assuntos
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Para o seu celular:

:: Canção Nova Mobile
:: CN Chama, a Palavra de Deus no seu celular
:: Iphone

Mais canais na web:

:: meadiciona.com/cancaonova


Padre Fabrício Andrade


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo