Transformado pela Palavra

“Portanto, se com tua boca confessares que Jesus é o Senhor, e se em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Porém, como invocarão aquele em quem não têm fé? E como crerão naquele de quem não ouviram falar? E como ouvirão falar, se não houver quem pregue?” (Rm 10, 9;14).

O meu coração de homem procurava um lugar para se encaixar, mas não o encontrava, porque ele ainda não havia se encontrado com Deus; por isso, não podia proclamar que Ele era o Senhor da minha vida.

No dia do nosso batismo, tornamo-nos filhos de Deus, mas com o tempo a vida vai sufocando essa graça dentro de nós e não queremos mais ouvir a Palavra de Deus. Mas a graça do Senhor se derrama sobre nós a cada passo que damos. O Pai quer falar ao nosso coração, porque é só em Jesus que encontramos nosso lugar.

Se o seu coração é de mãe, é um coração que cuida; imagine o coração de Jesus. Só Ele pode nos mostrar o caminho a seguir. Quantas pessoas buscam soluções em horóscopos ou outras religiões, mas não a encontram, porque a solução está em Jesus Cristo!

Se você pensar em sua vida, verá quanta coisa boa Deus já lhe fez. Vai perceber o toque d'Ele na sua vida. Você tem raízes, tem histórias com o Senhor. Mas se não as tem, hoje é o primeiro dia para dar um basta nas situações que o inquietam. Estamos vivendo este tempo do Advento com alegria, mas também podemos celebrar Jesus, que está presente em cada Eucaristia e na pessoa que está ao seu lado.

Quantos de nós voltamos para a Igreja pela dor, seja numa cadeira de rodas, seja em um acidente, pois naquele momento, vimos que Deus nos segurou. Talvez você sempre tenha participado das coisas da Igreja, mas o mundo não quer que sejamos do Senhor, que tenhamos a Palavra nas mãos, na mente, na boca e no coração, pois a boca fala daquilo que está cheio o coração. Quantas vezes, o nosso coração está cheio de mágoas! Como vamos dar um “bom-dia” alegre e com carinho para alguém assim?

Você, casado, saiba que o primeiro amor da sua vida tem de ser Jesus; não pode ser a outra pessoa com quem você se casou. Pois é o Senhor quem vai endireitando os seus caminhos. Quem é casado sabe das lutas e dos sofrimentos.

Nós trazemos o pecado em nós, ele faz parte da nossa vida – como a fraqueza e a limitação. Mas é preciso olhar para o Senhor e pedir-Lhe misericórdia, ir diante de um sacerdote, confessar-se e começar de novo.

Peça a Deus a graça de amar o seu esposo que está na bebida, preso na cadeia ou nos vícios, e os filhos que estão perdidos na vida. Porque Deus cativa o seu coração, você é convidado para ser um anunciador. É no dia a dia que Ele fala com você: no almoço que você faz para o seu esposo, na faculdade, no trabalho… É ali que Deus quer falar ao seu coração. Seja aquele que escuta a Palavra e proclame-a com a vida. É a Palavra de Deus que nos modifica.

Hoje é o dia de você tomar posse da graça de Deus, é tempo de voltar para Ele. O que você tem feito para Jesus nascer, não só no Natal, mas em cada dia da sua vida?

"Unidos de coração freqüentavam todos os dias o templo. Partiam o pão nas casas e tomavam a comida com alegria e singeleza de coração" (At 2, 46).

Reze: Ajude-me, Senhor, pois descobri a pérola da minha vida, que é o Senhor. Por isso, tomo posse da sua graça, da sua salvação. Envia-me, Senhor, porque já ouvi a sua Palavra e ela entrou em meu coração.

A partir do que ficou em seu coração, vá rezando ao Senhor; mergulhe em Deus; dê sua resposta diante da Palavra que lhe foi anunciada.

Obrigado, Jesus!

Transcrição: Michelle Mimoso
Fotos: Robson Siqueira


Diácono Paulinho


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo