Um coração semelhante ao de Jesus

Padre Reginlado Manzotti
Foto: Maria Andrea Moraes/Cancaonova.com

Neste Acampamento do Sagrado Coração de Jesus nos deparamos com uma liturgia maravilhosa. Nela, duas situações são muito fortes: fazer a experiência no coração de Jesus e aprofundar-se nela.

Faremos uma Lectio Divina, uma leitura orante da Palavra de Deus. Leitura do Evangelho de São Marcos 3,20-35:“…os parentes de Jesus saíram para agarrá-lo, porque diziam que estava fora de si”.

Queriam prender Jesus, porque achavam que Ele estava louco. A santidade tem um pouco de loucura. Se você cristão, mãe, pai tentar ser um pouco mais radical, no sentido positivo da palavra, você não será bem visto, porque Jesus não o era.

Como lemos, primeiro os parentes queriam pega-Lo e, depois, vieram os mestres da Lei, acusando-O de expulsar os demônios com o próprio demônio: “Os mestres da Lei, que tinham vindo de Jerusalém, diziam que ele estava possuído por Belzebu, e que pelo príncipe dos demônios ele expulsava os demônios”.

O demônio quer nos ludibriar e o seu primeiro ato é tentar fazer parecer bom aquilo que é ruim. O segundo atributo do inimigo é dividir, separar. Mas Nosso Senhor não quer um coração dividido.


Em nosso meio estão faltando corações que não sejam divididos, mas sim capazes de amar a Deus com toda a sua alma e dar a própria vida a Jesus e ao próximo
.

Ninguém se mantém de pé quando há divisão. Quando o demônio divide, eles nos enfraquece, faz isso nos casamentos, nos ambientes de trabalho, na Igreja.

"Um Reino dividido não subsiste", disse Jesus. Hoje é dia de se perguntar: "você se sente dividido em suas escolhas? Sua família, seu ambiente de trabalho estão dividos?". O que nos falta é fazer bater o nosso coração no mesmo ritmo do coração de Jesus. 

"O inimigo de Deus não tem forças sobre quem tem fé, sobre quem reza", disse padre Manzotti.
Foto: Maria Andrea Moraes/cancaonova.com

Na sequência do Evangelho, Jesus disse: "Ninguém pode entrar na casa de um homem forte para roubar seus bens sem antes amarrá-lo. Só depois poderá saquear sua casa".

Não se deixe enfraquecer, porque o inimigo pode tomar conta de você, da sua casa, a casa do seu coração, dos seus pensamentos e desejos.

Somos fortes no coração de Jesus!

A verdadeira devoção ao Sagrado Coração é feita na Eucaristia. Se seu coração não bater na "frequência" de Jesus, você se enfraquecerá.

"Então lhe disseram: “Tua mãe e teus irmãos estão lá fora à tua procura”. Ele respondeu: “Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?”.Perceba que Jesus estabelece aí uma nova familiaridade.

A liturgia interliga as leituras. Se, na primeira leitura, Jesus fala de como o inimigo conseguiu destruir a relação de amizade entre o homem e Deus, na segunda leitura Ele segue o rítmo do Evangelho, o qual vem nos mostra que o coração de Jesus transborda em humildade e que o Ressuscitado nos renova.


O homem externo vai caminhando para a morte, mas, a cada dia, o homem novo se renova. Aquilo que parece uma tribulação momentânea também tem um novo sentido. Então, não tenha medo das tribulações, pois elas nos amadurecem e nos tornam convictos do Senhor, porque, nela, nos damos conta do que é fútil e passageiro.

Ao final da homilia, padre Reginaldo Manzotti cantou com o povo a música 'Jesus de Nazaré':


Jesus, Jesus de Nazaré
O Teu semblante eu quero ter
Tal qual és Tu eu quero ser
Jesus, Jesus de Nazaré.

 

Transcrição e adaptação: Tatiane Bastos



 

ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELO TELEFONE (12)3186-2600
OU
EM NOSSA LOJA VIRTUAL



Conheça mais do nosso conteúdo:


:: WebTVCN, muitos vídeos para você
:: Gente de fé, a sua comunidade de relacionamento cristã
:: Podcasts: ouça áudios sobre variados assuntos
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Para o seu celular:

:: Canção Nova Mobile
:: Conheça nossos aplicativos para iOS
:: Conheça nossos aplicativos para Android

Mais canais na web:

:: meadiciona.com/cancaonova  


Padre Reginaldo Manzotti


Reitor do Santuário Nossa Senhora de Guadalupe – Curitiba (PR)

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo