Um olhar que cura

O livro 'Um Olhar que Cura', nasceu a partir de palestras que ministrei em Cuiabá (MT). A obra fala dos pecados capitais como a luxúria, entre outros. Um exemplo é do menino que olhou, na internet, um site de pornografia, depois arrependeu-se, confessou e, por meio da confissão, foi perdoado. Mas o pecado da luxúria sempre vai tentar as pessoas e ficar na mente delas, porque o pecado capital é uma doença espiritual. É preciso fazer algo para combater essas doenças espirituais.

Padre Paulo Ricardo prega na Canção Nova
Foto: Robson Siqueira

A capa desta obra retrata dois rostos de Jesus. De um lado, a face de Jesus sereno e misericordioso, do outro lado, a face de Jesus triste, severo e irado. Este ícone significa a contradição. Jesus é misericordioso sim, mas Ele é uma misericórdia exigente. A ira de Deus é uma forma de amar. Se olharmos apenas para o olhar misericordioso de Cristo, vemos Jesus incompleto. O Jesus que diz 'Vinde a mim que sou manso e humilde de coração', é o mesmo que, com um chicote, destruiu os vendilhões.

Os pais precisam ser misericordiosos, mas, ao mesmo tempo, exigentes com os filhos
. Não podem deixar as crianças fazer tudo o que querem, porque, senão, elas saem da realidade. Hoje, as crianças aprendem brincando, mas se quebram uma perna, precisam ficam na cama. No entanto, elas querem andar e não conseguem; isto as ensina que há um mundo de verdade e crava os pés delas no mundo real.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo