Vencer os obstáculos

Padre Hamílton
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN
Este é o tempo da conversão. Deus vem ao encontro de cada filho e cada filha para nos abraçar, nos acolher. Ele não quer perder nenhum de nós. Até as pessoas que não gostamos, que julgamos, que não gostaríamos de ter nas nossas vidas, Jesus as quer. Deus veio para todos, sem exceção.

Abra a Palavra de Deus na II Carta de São Pedro 3, 8-9:

Mas há uma coisa, caríssimos, de que não vos deveis esquecer: um dia diante do Senhor é como mil anos, e mil anos como, um dia. O Senhor não retarda o cumprimento de sua promessa, como alguns pensam, mas usa da paciência para convosco. Não quer que alguém pereça; ao contrário, quer que todos se arrependam”.

Preste bem atenção, fique atento a esta Palavra. Você pode esquecer as coisas do mundo, um compromisso, mas não pode esquecê-la. São Pedro está falando sobre a segunda vinda de Cristo. Ele já veio há mais de 2 mil anos, mas retornará. Temos que nos preparar para a Sua vinda.

O Senhor está usando a paciência para que você se arrependa dos seus pecados e se converta. Jesus veio para nos salvar, Ele destruiu a morte. Mas, infelizmente, o pecado ainda acontece no mundo. Ele voltará para que tudo seja dissipado e para que céus novos e terras novas sejam criados.

Ninguém sabe quando o Senhor vai chegar, por isso precisamos nos preparar para a Sua vinda. Portanto, meus irmãos, a ordem para cada um de nós é: “Preparai-vos e vigiai, pois o Senhor virá”. A vontade de Deus, para cada um de nós, é que ninguém se perca. Ele quer que todos os seus filhos amados se convertam.

Você está preparado para receber o Senhor que vem? Se Ele chegar hoje, você está preparado? Essa resposta nós temos que dar. Deixar-vos converter, o advento é tempo de conversão. Alguém de nós é capaz de prever o dia de amanhã? Como não sabemos, é preciso estar sempre preparado.

Como devemos nos preparar? Remover obstáculos é fácil? Não, não é. Sozinhos nós não conseguimos; para removê-los precisamos de ajuda. Deus, por meio da Igreja, nos ajuda a enfrentar os nossos obstáculos.

Os três obstáculos que precisamos arrancar das nossas vidas são: a concupiscência da carne, dos olhos e a soberba da vida. A concupiscência da carne não é só um desequilíbrio sexual, significa tudo aquilo que nos deixa levar. Precisamos viver a pureza. Não é somente se abster dessas impurezas sexuais, mas nos afastarmos da falta de vibração, falta de entusiamo que abate a nossa carne, o nosso corpo.

"O meu e o seu coração precisam ser uma manjedoura para Jesus"
Foto: Wesley Almeida/ Foto CN

A concupiscência dos olhos é aquela que quer ter tudo. Tem gente que está devendo até o fio dos cabelos. Acorda! Comprar, comprar, comprar! Não devemos cobiçar, precisamos ter equilíbrio, moderação.

A soberba da vida é o pior desses obstáculos. O que é a pessoa soberba? É aquela que diz “Eu não preciso de Deus”, “Eu sei”, “Eu faço”. É aquela pessoa egoísta, que tem o coração frio. Estamos num mundo soberbo que está proclamando a ausência de Deus.

Precisamos, hoje, afastar esses três itens da nossa vida. Uma das formas é viver em uma vida profunda de oração, pois ela é o oxigênio da alma. Quem reza, vive; quem não reza, morre. A segunda forma é a confissão; o pecado é eliminado quando temos coragem de chegar diante do sacerdote e confessar nossas falhas. Confesse e ore. Faça essa experiência. O meu e o seu coração precisam ser uma manjedoura para Jesus. Amém.


ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE (12) 3186 2600


Padre Hamilton Nascimento


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo