Viver do jeito de Maria

Padre Roger Araujo
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Maria foi aquela que gerou Jesus para a humanidade, e cada padre tem a mesma missão: levar Jesus a todos os corações.

São Maximiliano Maria Kolbe era muito apaixonado por Nossa Senhora e desejava que ela fosse conhecida em todo o mundo. Certa vez, ele foi ao Japão e lá propagou esta devoção e, assim, onde o povo japonês foi convidado a conhecer Jesus pelas mãos da Virgem Maria. E, graças a Deus, até hoje este trabalho ainda acontece.

Nesta Santa Missa, celebramos a quarta semana da Páscoa e temos visto, na Palavra, a sagacidade dos apóstolos, os companheiros de Jesus, que anunciaram o Evangelho a partir da experiência com o Cristo Ressuscitado. Na leitura de hoje, vimos que São Paulo, por causa deste anúncio, sofreu graves perseguições, mas o que mais nos chama a atenção é a alegria desses apóstolos em anunciar Jesus Cristo.

Estes apóstolos estavam tomados pela força do alto e, com toda a intrepidez, não tiveram mais medo de fazê-lo [anunciar o Evangelho de Cristo]. Permaneceram repletos da alegria e todas as vezes em que eram perseguidos, uma alegria tomava conta de seus corações.

Não foi fácil para eles, da mesma forma que não o é para nós, mas a Palavra de Deus nos ensina que é preciso passar por muitas tribulações para entrarmos no Reino dos Céus. Muitas pessoas não entendem quando, por algumas vezes, passam por situações delicadas e ainda acham que fizeram algo para merecer isso. Amados, todos os males do mundo caíram sobre Jesus, que se resumiram na Cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo. Por isso, nós somos convidados, ao menos, a viver também momentos de dor que nos aproximam do Senhor. Quando estamos perto do Senhor temos força de superar toda e qualquer situação. Meu filho, minha amada filha, Deus não se esquece de você! Onde existe o sofrimento é lugar da presença de Deus.

Há pessoas que, durante o sofrimento, querem afastar Deus daquela situação. O Senhor tem um segredo que vem do fundo do seu coração e se dá na alegria dos apóstolos: somos convidados a vivê-la mesmo diante de um vale de lágrimas. Nesses momentos de dor, o que vale é se agarrar em Nossa Senhora, a Mulher das Dores. Se você acha que sua vida é difícil, pense que não foi nada fácil ser a Mãe do Salvador.

Você e eu recordamos muito bem a incompreensão que viveu São José nos primeiros dias e depois a perseguição que a Sagrada Família viveu quando Herodes procurava matar Jesus Cristo. No final da vida de Cristo entre nós, Maria esteve presente na Via-Crúcis e, assim como esteve presente com Jesus, ela também está com você em todas as situações, até mesmo naquelas mais complicadas.

Foi para Maria que o anjo disse: “Nada é impossível para Deus!” E hoje é ela que vem nos dizer isso: quando a situação parece não ter solução busque a Deus, pois para Ele nada é impossível. Não desanime, pois a sua confiança deve estar no Senhor.

"Maria foi aquela que gerou Jesus para a humanidade", disse padre Roger Araujo
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com


A devoção a Maria nos ensina a ter serenidade e nos traz a paz, que vem de Deus, mesmo que se esteja em um campo de concentração, como esteve São Maximiliano Kolbe. Busque no coração de Deus a luz e a serenidade para que você possa enfrentar as tribulações e os momentos difíceis da vida.

Para encerrar, se pudesse olhar o coração de cada um aqui, poderia dizer: não se aflija diante das necessidades. Tenha o olhar sereno de Maria, pois o que mais vemos em nossas realidades são pessoas prostradas devido às aflições da alma. Você que está prostrado por causa das tribulações da vida, fique de pé, pois Nossa Senhora está ao teu lado!

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira


Padre Roger Araújo


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo