Vocação, quem você é?

Dr. Nasser
Foto: Wesley Almeida
Hoje venho apresentar para vocês o meu primeiro livro lançado pela Editora Canção Nova: “Semeando dons, colhendo vocações”. Esse trabalho fala muito fundo aos nossos corações sobre o encontro com nós mesmos. Nele, o Senhor quer falar com você sobre o significado da sua vida. A obra proporciona uma reflexão sobre a busca pela verdadeira vocação de cada um.

A vocação é o conhecimento do seu coração. Em Colossenses 1, 9-11 está escrito: “Por isso, também nós, desde o dia em que o soubemos, não cessamos de orar por vós e pedir a Deus para que vos conceda pleno conhecimento da sua vontade, perfeita sabedoria e penetração espiritual, para que vos comporteis de maneira digna do Senhor, procurando agradar-lhe em tudo, frutificando em toda boa obra e crescendo no conhecimento de Deus. Para que, confortados em tudo pelo seu glorioso poder, tenhais a paciência de tudo suportar com longanimidade”.

No momento em que você rompe com o seu conhecimento, é convidado a desvendar o novo. Diante de um mundo secularizado, no qual as pessoas têm dificuldade de falar, a Canção Nova é este meio especial colocado pelo Senhor no mundo para fazer você sorrir. O carisma desta obra de evangelização é de ressurreição. O que Jesus fez na minha vida, fará com você hoje, mas, é claro, se você permitir. Eu sou médico, mas não foi por causa do meu conhecimento técnico que conheci o Pai. Eu O conheci apenas quando me deixei ser guiado por Ele. Isso não é fácil, às vezes, dói, mas a alegria de estar n'Ele é plena.

O primeiro capítulo do meu livro fala sobre os 75% dos católicos que sofrem de baixa autoestima. Essa estatística é muito séria. Isso significa que essas pessoas ainda não colocaram em prática toda a confiança que Deus deu a elas.

"Nós somos imperfeitos, temos muitos erros, mas não podemos passar a vida toda os justificando"
Foto: Wesley Almeida

A identidade reconhecida é estável, ela vence toda essa insegurança. Ela desmascara o “bonzão”. Mas você sabe o que é identidade? É um conceito realista sobre nós mesmos. Não importa onde e com quem você esteja, você será sempre a mesma pessoa.

Nós somos imperfeitos, temos muitos erros, mas não podemos passar a vida toda os justificando. Precisamos nos conhecer para colocar em prática o plano de Deus. A partir do momento em que sabemos realmente quem somos, conseguimos fazer escolhas – o ponto alto para discernirmos a nossa vocação.

Normalmente, as pessoas falam sobre suas características físicas quando alguém lhes questiona sobre quem elas são. A  "carcaça" não determina quem você é, mas o coração sim. Outros falam dos cargos que ocupam. Isso não diz realmente o que você é.

Você não é identificado pelos resultados que você imprime sobre você. Isso é que lota meus consultórios. As pessoas ficam muito preocupadas com o que está fora, e se esquecem de cuidar da alma.

Hoje o Senhor quer realizar em você uma obra infinita. Saia da redução, pare de fechar o foco em uma coisa e viver só para  isso, como se mais nada fosse importante. Não se deixe escravizar pelos seus pensamentos. Deus dá liberdade para você ver mais! Isso é caminho vocacional.

"A partir do momento em que sabemos realmente quem somos, conseguimos fazer escolhas – o ponto alto para discernirmos a nossa vocação"
Foto: Wesley Almeida

Fortaleça-se na oração e no conhecimento da sua fé. Doe-se, compartilhe sua vida, vá ao encontro de todos. Evangelize o mundo com o seu testemunho!

Transcrição: Ariane Fonseca

:: Adquira o livro "Semeando dons, colhendo vocações"

Veja também:

:: Blog do Dr. Nasser
:: Divulgue sua paróquia na Canção Nova
:: Conheça o conteúdo Canção Nova disponível no iPhone

:: Faça parte do grupo "Eu acesso o cancaonova.com"


Acompanhe as pregações pelo twitter @cancaonova e
retuite a mensagem que mais falar ao seu coração.

ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186 2600


Dr. José Augusto Nasser


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo