Cada vocação é um tesouro

cada_vocacao_e_um_tesouro

Antônio Carlos (Janjão). Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

“Qual é o seu primeiro chamado? Você foi chamado a quê? Você foi chamado a ser filho de Deus. 

Para quem não me conhece, eu sou Antônio Carlos, o Janjão. Estou vestido de anjo para recordar o meu personagem. Muitos podem achar que estou “pagando mico”, mas como Deus sabe quem Ele escolhe, eu colho muitos frutos da vocação Canção Nova, inclusive da minha missão no ‘Cantinho da Criança’. Há muitas pessoas que me acompanham e, hoje, já são casados e adolescentes. Em um encontro universitários que fui pregar em Alfenas (MG), um jovem me disse: “Você não é vocacionado somente para as crianças, mas para os jovens e todos os filhos de Deus.

Qual é o seu primeiro chamado? Você foi chamado a quê? Você foi chamado a ser filho de Deus.

Palavra meditada está em Mateus 22,1

É interessante como fazemos toda uma preparação para o dia do casamento. Em nossa vida, precisamos também nos preparar para a grande festa final; afinal, não é qualquer “festinha de casamento” essa que Deus nos chama, mas é uma grande festa!

Veja um trecho da pregação:

Jesus nos deu as armas para aprendermos a amar, e essas armas vem do Espírito Santo. Nas bodas de Canaã, vamos aprender a ser duas coisas: convidados e servos. Maria estava prestando atenção em tudo o que acontecia naquela festa, por isso correu para falar com Jesus e orientou os servos: “Fazei tudo o que Ele vos disser”. Jesus nos deu a vida por amor, e quer nos ensinar, por meio deste acontecimento em Canaã, que ele quer nos preparar, mas juntos com Maria, pois ela é a nossa grande formadora e mestra.

Nossa Senhora quer nos ensinar, ela quer nos dar esse amor. Para entrarmos no céu há um treinamento. Pedro quando perguntou a Jesus quantas vezes deveria perdoar, referia-se às pessoas do seu dia a dia. Jesus disse a Pedro: “Deves perdoar até setenta vezes sete”. Esse número representa a paciência na sua casa, com seu marido e amigos. Amar é decisão. Deus está preparando um banquete para nós no céu, e Nossa Senhora quer nos ensinar a fazermos “tudo o que Jesus nos disser”.

cada_vocacao_e_um_tesouro

Peregrinos participam da Quinta-feira de adoração na Canção Nova. Foto: Wesley Almeida.

Reze:

Você não está sozinho em seu matrimônio, em sua vida. João disse: “Eu vos batizo com água, e Ele vos batizará com o Espírito Santo”. O Senhor quer curar você, quer curar o seu coração de criança.

Por muito tempo na Canção Nova, eu fui muito justiceiro, e achava que tudo estava errado. Às vezes, as pessoas iam rezar por mim e diziam que eu precisava ter resiliência. Então, fiquei incomodado com essa palavra e fui procurar saber o que significava. Descobri que ser resiliente é voltar à forma original. Deus sabe a forma original que ele criou você.

Jesus é o grande irmão que vem nos socorrer e Nossa Senhora é essa grande serva. A via do amor não é fácil, mas também não é impossível. Quando Jesus diz: “Tome a sua cruz e siga-me!”, ele está dizendo para você assumir a si mesmo. Renuncie a si mesmo, para adentrar no grande banquete.

Transcrição e adaptação: Jakeline Megda D’Onofrio.

Adquira pelo telefone: (12) 3186-2600

contribuicaocn1


Carlos (Janjão do 'Cantinho da Criança')


Missionário da Comunidade e Apresentador do Programa Cantinho da Criança – TV Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo