Comunidade Jesus Menino, patrimônio da humanidade

Devemos ver, na Comunidade Jesus Menino, o exemplo de gerar o amor em nosso coração, para reconhecermos o valor da vida

Comunidade Jesus Menino, patrimônio da humanidade

Rodrigo Moco
Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Maria é Mãe da vida, e nós nos propusemos a dinâmica de pensar a vida a partir dela. No geral, quando estudamos religião, percebemos que ela é a busca do ser humano em direção a Deus.

Nós cristãos católicos temos uma novidade em relação a essa definição, porque, para os católicos, antes da nossa busca, a religião é uma busca de Deus por nós. O ponto de partida do cristianismo é o Deus que quer ser humano, quando envia Seu anjo a Maria, para anunciar que ela daria à luz o Salvador.

Maria acolhe todas as implicações do seu ‘sim’ e ainda aceita a responsabilidade de ser Mãe do Cristo, para que Ele viesse ao mundo. Santo Agostinho diz que Maria, antes de conceber Cristo em seu ventre, concebeu-O em seu coração. Essa é a grande dinâmica da vida, que só acontece quando a concepção parte do coração.

Deus criou a humanidade num gesto de amor, e houve, no coração de Deus, uma gestação. Nós somos frutos de uma gestação que brota do coração e vai sendo atualizada no sim de Nossa Senhora, nos nossos pais, até chegar em nós.

A comunidade Jesus Menino representa algo grandioso para humanidade, uma experiência de amor a partir da adoção dessas pessoas e na prevenção de abortos. Hoje, na nossa sociedade, há um grande número de gestações no útero, mas sem coração, pois, quando o coração reconhece a vida, ela ganha dignidade e deixa de ser descartável.

Toda vida é um milagre, mas ela só é reconhecida como tal se é reconhecida no coração, assim como Nosso Senhora fez quando recebeu o anúncio do anjo Gabriel. Deus vem nos chamar, dia após dia, a gerar o amor no nosso coração, principalmente na nossa família, para reproduzirmos em casa a Sagrada Família.

Jesus veio para que tenhamos vida em abundância, e essa é a grande experiência da vida d’Ele. Assim nós também temos de lutar aos extremos pela vida, como Jesus fez indo até a cruz.

Rodrigo Moco
Membro da Comunidade Jesus Menino

Confira um trecho da pregação:


Leia também:
O amor e a misericórdia caminham juntos
Fomos feitos para o amor
Carisma Jesus Menino na cultura da vida

 

Transcrito e adaptado por João Paulo dos Santos


Rodrigo Moco


Comunidade Jesus Menino

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo