Libertos de uma tristeza hereditária

Devemos proclamar as vitórias de Cristo na nossa vida para vencermos a tristeza

Libertos de uma tristeza hereditária

Thiago Tomé
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

O fundador da Canção Nova, monsenhor Jonas Abib, fala-nos que podemos trazer em nós algumas marcas psicológicas ou de doenças de nossos pais, algumas tristezas e batalhas que temos de enfrentar. Em Deuteronômio 7,6-10, Deus nos promete uma herança de mais de mil gerações em bênção, graça e misericórdia.

Assim como Deus escolheu nascer e reinar numa terra cheia de conflitos, Ele quer também reinar na nossa história, por isso faz essa promessa a nós, que somos particulares aos olhos d’Ele.

Quando percebemos todo o movimento do nosso interior ou da tristeza que tenta nos abater, o único recurso que temos a recorrer é Deus, pois Ele é muito maior e a experiência com Ele é o que nos dá força e alegria, é o que nos faz combatentes.

Nós, que já conhecemos Deus e já confiamos que Jesus é Seu Filho e também Deus, podemos acreditar na vitória do Senhor na nossa vida, a vitória da alegria sobre a tristeza.

No Evangelho de João, o evangelista nos esclarece que Cristo salva e nos explica que, para o Senhor, nada é impossível e todas as situações são ocasiões para que aconteça a obra de Deus na nossa vida.

Temos de proclamar palavras de motivação e bênçãos para levarmos ânimo às pessoas e proclamarmos a vitória do Senhor na nossa história.

Leia mais:
.:Alegria, fonte de saúde  
.:A essência da alegria ou da tristeza

Transcrito e adaptado por João Paulo dos Santos


Thiago Tomé


Cantor e Missionário da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo