As famílias precisam de um Salvador

A sua família precisa de salvação?

André e Magda. Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

André e Magda. Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Sabemos que, diante de qualquer probleminha, podemos recorrer ao Senhor. É natural fazermos isso, e, muitas vezes, o fazemos até sem pensar, mas salvação que Jesus traz requer de nós cooperação.

Cristo é o Senhor de nossa família e nós precisamos cooperar com Ele. Se você quer cooperar com a salvação de sua família, a primeira coisa a ser feita é inserir a Palavra de Deus entre os seus!

A Palavra de Deus está em Neemias 2,1-8: “No vigésimo ano do rei Artaxerxes, no mês de Nisã, estando o vinho diante de mim, tomei-o e o ofereci ao rei. Ora, jamais em outra ocasião, eu estivera triste em sua presença. Disse-me o rei: Por que tens a face sombria? Não estás doente! Tens no entanto algum dissabor!  Muito conturbado respondi ao rei: Viva o rei para sempre! Como não haveria eu de estar pesaroso, desde que a cidade onde se encontram os túmulos de meus pais está devastada e suas portas consumidas pelo fogo? Disse-me o rei: Que tens a me pedir? Então, fazendo uma prece ao Deus do céu, eu disse ao rei: Se aprouver ao rei, e se o teu servo te é agradável, permite-me ir para a terra de Judá, à cidade onde se encontram os túmulos de meus pais, para reconstruí-la. O rei, junto de quem estava sentada a rainha, perguntou-me: Quanto tempo durará tua viagem? Quando voltarás? Ele consentiu que eu partisse, logo que lhe fixei certo prazo. Prossegui: Se o rei achar bom, que me deem missivas para os governadores de além do rio, a fim de que me deixem passar para Judá; e uma outra carta para Asaf, o intendente da floresta real, para que ele me forneça a madeira para a viga das portas da fortaleza vizinha ao templo, para as muralhas da cidade e para a casa em que eu habitar. O rei concordou com o meu pedido, porque a mão favorável de meu Deus estava comigo”.

Assim como Neemias, nós também, muitas vezes, ficamos tristes pelas situações difíceis em nossa família, e essas não nos deixam em paz. Seja aquele que reza, que se esforça para que todos vivam a Palavra.

Quem nunca chorou pela família?


Nós choramos, porque as nossas famílias, de um modo geral, estão sendo destruídas, estão sendo pouco a pouco arruinadas.

Quando precisamos de um salva-vidas? Quando nós nos afogamos. Qual é o nosso grande erro? Nós só vamos a Jesus quando estamos nos afogando, quando estamos no desespero total.

Ouça o que Deus tem a falar por meio de sua família e não se deixe afogar. O Senhor nos diz que nossas famílias estão correndo riscos. Nós temos essa consciência, mas as deixamos ir mais a fundo.

Temos consciência de que as famílias precisam de um salvador, mas quando a Igreja nos alerta dos perigos, ignoramos esse alerta e nos conformamos, dizendo que hoje as coisas são modernas,  que tudo é diferente. Sabemos dos riscos que corremos, porém quando esses mexem com nossa estrutura e fazem com que saiamos do comodismo, escolhemos a área de risco, porque é mais fácil.

Peregrinos participam da Quinta-feira de Adoração na Canção Nova. Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Peregrinos participam da Quinta-feira de Adoração na Canção Nova. Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Jesus nunca nos desprezará, mesmo que O desprezemos a vida toda! Precisamos levantar as pessoas que querem ser cooperadoras, necessitamos de pessoas conscientes que saibam que as famílias precisam de um salvador.

Neemias cooperou, contou ao rei o que acontecia com ele. Hoje, o Senhor nos pergunta: ‘O que está acontecendo com a sua família?’. Esse rei se preocupou com a tristeza de Neemias, assim como o Senhor também se preocupa conosco.

As coisas que acontecem em nossa casa precisam ser a matéria-prima de nossa oração! O que realmente tem acontecido? Como vocês têm vivido? O que você tem levado para sua casa? Você precisa ser um conhecedor dos problemas da sua família!

Onde fica a salvação das famílias do mundo todo? Na sua família! A salvação começa na sua casa!

O primeiro passo é assumir, com gestos concretos, essa identidade de Jesus na família. Nós não conseguimos resolver tudo de uma vez, mas o primeiro passo é essencial!

Amar não é fácil, é preciso doação. Precisamos amar, perdoar, respeitar, ajudar aquele enfermo; precisamos assumir as características de Jesus em nossa família, que permanecerá firme e não desmoronará se nossos problemas estiverem diante de Jesus Cristo. Seja a porta aberta para a bênção na vida dos seus, da sua família.

Insira a Palavra de Deus em sua família, seja como Neemias, saia da zona de risco e seja a porta aberta para os seus. Esses são os passos que uma família de Deus precisa dar!

Confira o testemunho de Magda e André:

Transcrição e adaptação: Karina Aparecida

contribuicaocn1


Magda e André Florêncio


Casal de missionários da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo