Quando somos vulneráveis ao mal

Ironi Spudaro.
Foto: Paula Dizaró/cancaonova.com

Deus está conosco no combate contra o mal, mesmo quando estamos vulneráveis

Vivemos tempos em que nossa nação passa por dificuldades, enfrenta os escândalos da corrupção e da manifestação da maldade. No entanto, a nação somos nós, então, todos nós sofremos. Reconhecer que somos a nação faz com que percebamos que estamos sob ataque.

Nós somos o Brasil! E como Brasil, precisamos reconhecer que a culpa do mal não é só dos políticos, ela é nossa também! No entanto, nossa fé, nossa oração não têm sido suficiente para transformar esta nação!

Diante destes acontecimentos, estamos fragilizados, despreparados, sem chão! Mas o Senhor está no meio de nós. Ainda que estejamos emocionalmente fragilizados, ainda que não tenhamos forças… Ainda, sim, a melhor escolha para nossa vida é sempre estar ao lado de Deus.  Somos, por vocação, enquanto cristãos, atalaias d’Ele para transformar este mundo.

Neste momento em que estamos vulneráveis e somos presas fáceis, no lugar de nos voltarmos para Deus, tornamo-nos plateia animada do mal, não levamos a sério o perigo que estamos correndo. Não podemos querer usar as armas do mundo, temos de nos revestir de Deus.

Numa guerra, no campo de batalha, os soldados devem estar sempre preparados para ataques, porque, se não for assim, a derrota e a humilhação vêm para os destruir. O soldado atento tem sempre o inimigo na mira de sua arma, preparado para o avanço do mal!

Somos bombardeados pelo inimigo, diariamente, na TV, na internet e em todos os meios. Querem nos convencer de que o mal não pode ser vencido.

Não podemos querer combater o mal, a corrupção e o mundo, quando, na verdade, somos também corruptos e maus. A mudança precisa começar por nós, dentro de nós, por meio da nossa fé demonstrada em nossas obras! Vamos trilhar o caminho da oração e da vida com Deus para vencer!

Leia mais:
É tempo de esperança!
Salvos no dia do julgamento

 

 

Transcrito e adaptado por Jonatas Passos


Ironi Spuldaro


Membro do Conselho Nacional da RCC Brasil

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo