\”2Considerai que é suma alegria, meus irmãos, quando passais por diversas provações, 3sabendo que a prova da vossa fé produz a paciência. 4Mas é preciso que a paciência efetue a sua obra, a fim de serdes perfeitos e íntegros, sem fraqueza alguma. 5Se alguém de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus – que a todos dá liberalmente, com simplicidade e sem recriminação – e ser-lhe-á dada. 6Mas peça-a com fé, sem nenhuma vacilação, porque o homem que vacila assemelha-se à onda do mar, levantada pelo vento e agitada de um lado para o outro. 7Não pense, portanto, tal homem que alcançará alguma coisa do Senhor, 8pois é um homem irresoluto, inconstante em todo o seu proceder.* 9Mas que os irmãos humildes se gloriem de sua elevação;\”

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo