Expectativa do Gen Rosso para o grande show

O International Performing Arts Group Gen Rosso apresenta na Canção Nova, agora, durante o Acampamento PHN, o musical \”STREETLIGHT\”, inspirado na história real de Charles Moats, um jovem afro-americano envolvido em lutas entre gangues do seu bairro.
Esse espetáculo traz consigo uma convicção profunda e uma vida fundamentada na esperança; por isso mesmo, também transmite uma alegria contagiante.

\”Esperamos que a mensagem do amor, que queremos passar, chegue a todos os corações\”.

Bart Dundoc – Filipinas

\”Como brasileiro, vejo que uma das coisas que nosso espetáculo tem para oferecer ao público é o ir \’contra a corrente\’, porque fala de dois personagens, dos quais um se encontra em uma situação em que os outros querem que ele mate o seu amigo porque ele foi traído, mas ao final ele o perdoa e recomeça. Essa é a grande mensagem: o recomeçar, o perdoar. Que todos levem isso para casa, e vivam nas coisas grandes e pequenas\”.
Gui dos Santos – Brasil

\”Que todas as pessoas que virão participar levem em suas vidas a vontade de viver por um mundo unido\”.

Nando Perna – Itália

\”Que todos aqueles que participarem sintam uma verdadeira explosão de alegria e que nada possa atrapalhar isso\”.

Erik Mwange – Quênia


\”Espero que as pessoas possam se divertir, fazer uma verdadeira festa com esse espetáculo\”.

Paul Kisyaba – República Democrática do Congo


\”Nós levamos uma mensagem de \’paz e fraternidade\’ e eu gostaria que todos voltassem para casa com essa mensagem\”.

Tomek Mikusinski – Polônia

Integrantes do Gen Rosso e suas funções:

Cantores: Ciro Ercolanese (Itália) e Tomek Mikusinski (Polônia);

Músicos: José Manuel Garcia (Espanha)- baixo; Dennis Ng (Filipinas)- guitarra; Paul Kisyaba (República Democrática do Congo)- percussão e bateria; Nando Perna (Itália)- teclado;

Dançarinos: Adelson de Oliveira e Gui dos Santos (Brasil); Bart Dundoc (Filipinas) e Erik Mwange (Quênia);

Equipe técnica: Santino Zacchetti e Emanuele Gervasoni (Itália); Cachi Elortegui e Lito Amuchástegui (Argentina);

Composição: Benedikt Enderle (Suíça); Valerio Ciprì e Mite Balduzzi (Itália);

Organização: Roberto Tietto (Itália);

Coordenação: Valerio Gentile (Itália).

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo