Fiéis testemunham o reavivamento do Espírito Santo em suas vidas

Monsenhor Jonas Abib, fundador da Comunidade Canção Nova, pregou sobre o reavivamento do Espírito Santo, na manhã deste sábado, no Acampamento de Pentecostes na sede da Comunidade em Cachoeira Paulista (SP).

Milhares de fiéis de todo o Brasil e do exterior participaram do evento. Alguns destes, ao final da pregação, falaram sobre os efeitos da Palavra proclamada em suas vidas. Confira:

Acampamento de Pentecostes
Foto: Robson Siqueira

"Eu já acompanho a Canção Nova há 25 anos, no trabalho da evangelização, e agora eu faço bordados e vendo para ajudar esta obra. E vou trabalhar muito mais, pois a luta é muito grande. Tudo para evangelizar. Quando o monsenhor chorou, todos nós choramos também; nessa hora não pude me conter e chorei muito, também porque foi muito viva a presença do Espírito Santo em nós, o derramamento e naquele momento ele estava desejando a todos para que nós também fôssemos atingidos, assim como ele foi com o Espírito Santo. Eu estava arrasada, no fundo do poço, estou viúva há três anos e minha vida tinha perdido o sentido, apesar de ser de caminhada é ter uma experiência de oração, estava sem vida, e agora estou voltando para casa como nova pessoa, com a condição de levar esta luz para outras pessoas".

Anália, 70 anos, dona-de-casa, Ipatinga (MG).

"Esta é a segunda vez que venho num Acampamento de Pentecostes aqui na Canção Nova. Na primeira vez eu tive o batismo no Espírito Santo, agora nesta segunda vez estou sentindo o reavivamento do Espírito Santo, como o monsenhor disse: "os meus ossos estavam ressequidos”, posso já sentir a força do Espírito Santo em mim. Eu trouxe também a minha mãe, que está aqui pela primeira vez. É o verdadeiro Espírito Santo que está agindo em minha casa e com certeza está reavivando muitas coisas. O monsenhor Jonas, na pregação e com a oração, veio reavivar as pessoas de minha casa e tenho certeza de que o batismo veio me reavivar para levar o batismo no Espírito Santo não só em minha casa, como no grupo de oração em Campo Belo, e para toda a comunidade onde eu moro".

Daiane, 26 anos, funcionária pública, Campo Belo (MG). 

"Desde o início da pregação já foi uma profecia e uma realização em minha vida, porque eu tenho pedido muito para Jesus me dar ânimo e coragem, principalmente com meus filhos, pois tenho sentido muita dificuldade se estou agindo certo. Perguntando-me 'Será que o que eu estou fazendo é o que Deus quer?' Por isso sempre peço ao Senhor para pôr uma “sentinela em meus lábios”, porque eu sou uma pessoa que fala muito. Peco e erro porque falo demais. Então eu peço para o Senhor enviar o Espírito Santo, a fim de que eu faça aquilo que é vontade de Deus, e não a minha vontade. Desde a oração eu senti que o Espírito Santo veio em meu socorro, sentindo o poder de Deus, e com esta Palavra de Deus que está me refazendo, reavivando os “ossos secos”. Toda oração foi uma grande experiência da presença de Deus, com a grande surpresa da exposição do Santíssimo". 
 

José, 41 anos, e Maria Ângela, 40 anos, microempresários, Rio Claro (SP).

"O Espírito Santo tocou todo meu coração me transformando e me fazendo ser um homem novo. Eu já sou sócio da Canção Nova há uns três anos, eu amo esta obra. Não sei viver sem a Canção Nova. E o monsenhor Jonas me completa, me complementa com suas palavras, me transformando num homem novo no Senhor. Eu nem tenho palavras para explicar a emoção que tive de manhã na oração com o Santíssimo, quando realmente Ele tocou meu coração. Estou muito feliz de estar aqui."

Eduardo, 26 anos, tecnologista, São Bernardo do Campo (SP).

Adquira em nosso shopping:

.: CD
Grecco
Lançamento


.: Livro
Quem me roubou de mim
Pe. Fabio de Melo

 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo