O que nos mantêm "fortes" em meio à "tribulação"

O Acampamento Fortes na Tribulação está em seu segundo ano de realização. Padre Fabrício Andrade, membro da Comunidade Canção Nova e um dos idealizadores desse projeto, fala-nos de sua inspiração inicial, a qual aconteceu a partir do Livro 'Fortes na Tribulação' de sua autoria:

Como surgiu a inspiração do Livro 'Fortes na Tribulação' e, a partir daí, o acampamento?

Padre Fabrício Andrade
Foto: Arquivo / Fotos CN

Em primeiro lugar, eu fui convidado para escrever um livro, mas, por um bom tempo, fui resistente a esse convite. Com o passar do tempo, o que era um convite se tornou uma ordem. Assim surgiu o livro. Na obediência às minhas autoridades, Deus derramou a graça em meu auxílio. Juntei a essa ordem minha pequena experiência de sacerdote, e, muitas vezes, ouvia pessoas e histórias de desespero diante dos problemas; pessoas que se revoltavam contra Deus, porque estavam passando por muitos e graves problemas… Desta dura realidade surgiu o desejo de falar diretamente com essas pessoas. A inspiração era conversar com elas e provocar nelas uma resposta diante dos seus reais problemas.

Bom, parece que deu certo! Hoje, vejo que o número de testemunhos comprovam isso. Dessa experiência e da resposta das pessoas às provocações do livro surgiu o acampamento, que não tem como objetivo ensinar receitas mágicas e passos para se esconder dos problemas. Queremos como um barquinho de papel, frágil e pequeno, encontrar em Deus forças para nunca desistir, não porque nós somos fortes, mas porque, ainda que cercados de problemas e medos, na certeza de que Jesus está conosco, vamos sempre adiante, sendo fortes na tribulação.

O que nos mantêm fortes em meio à tribulação?

É justamente fazer sempre a experiência de que não estamos passando por tudo isso sozinhos, pois Deus está conosco. Ainda que nossos olhos não O vejam e nossos sentimentos nos traiam a todo instante, não significa que que isso é verdade. A verdade é que Jesus veio para ser o nosso socorro. Ele não tira os nossos problemas, mas nos faz fortes para o enfrentamento da tribulação. O segredo da força é reconhecer que sozinhos somos fracos, mas com Deus nós somos fortes.

:: Sete dicas para se abrir ao amor de Deus

Em sua vida, qual a maior tribulação pela qual o senhor já passou e como foi vivê-la?

No último capítulo do livro, conto sobre a morte da minha avó, e eu pensava que aquele fosse o momento mais difícil da minha vida. Porém, as tribulações não acontecem só uma vez nas nossas vidas. Para mim, até hoje, a tribulação mais forte que vivi foi a doença de minha mãe no ano de 2012, quando, por causa de uma pneumonia, ele teve uma infecção generalizada, ficou internada numa UTI por 43 dias. Durante esse tempo, o qual parecia que nunca chegaria ao fim, o que me sustentou foi passar por tudo isso sabendo da companhia de Deus e do suporte da minha família, dos amigos e de toda Comunidade Canção Nova. Hoje, tudo está bem com a saúde de minha mãe e nossa família ficou mais unida, crescemos no amor e no respeito. Posso afirmar que eu e minha família saímos mais fortes dessa tribulação.

Deixe um convite para os internautas participarem deste acampamento.

Você, meu amigo internauta, é meu convidado para estar aqui, em Cachoeira Paulista (SP), nesse próximo fim de semana. Nestes dias, estaremos juntos buscando, em Deus, a força necessária para enfrentarmos as duras realidades que nos cercam. A solução mais fácil é fugir ou fingir que nada está acontecendo; porém, chegou a hora de crescer e amadurecer como pessoa e cristão. Venha participar conosco e experimente que de Deus vem a força que você precisa para enfrentar seus problemas.

Durante o acampamento, que acontece entre os dias 21 a 23 de junho, acontecerá o lançamento do CD e DVD “Saudade de Ti” da missionária Eliana Ribeiro. Você é o nosso convidado!


Leia também:

:: Sete dicas para se abrir ao amor de Deus
:: Eliana lança o CD "Saudades de Ti"
:: Paciência, uma virtude em meio a tribulação
:: Participe da promoção #SaudadedeTi

 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo