Pregadores do Acampamento de Cura e Libertação

Entre os dias 17 e 19 de janeiro será ministrado, em Cachoeira Paulista (SP), na sede da Canção Nova, o Acampamento de Cura e Libertação, com o tema “Transformando maldições em bênçãos”.

Conheça os pregadores do evento e o que eles falam a respeito do tema do encontro: cura e libertação: 

Natural da cidade de Ibitinga (SP), Irmã Maria Eunice é celibatária e, antes de ingressar, em 1995, na Comunidade Canção Nova, foi professora e religiosa. A missionária prega sobre esse assunto em várias cidades brasileiras e nos encontros dessa obra de Deus. Publicou o livro “Cura das feridas interiores”, no qual aborda a cura do medo, da solidão, da ansiedade e da preocupação excessiva. “Uma das características que nos ajudam a identificar a necessidade da cura dos males de nossa árvore genealógica é encontrar, em nossa família, pessoas que tiveram ou têm problemas mentais, problemas com alcoolismo, adultérios, abuso de menores ou que cometeram suicídios ou homicídios, entre outros,” afirma a consagrada em uma de suas pregações.

.: A cura dos males hereditários


 

Padre Márlon Múcio Corrêa Silveira, natural de Carmo da Mata (MG), foi ordenado no ano de 2000. É fundador da Missão Sede Santos, da cidade de Taubaté (SP), e presidente do Instituto Santa Teresa D'Ávila, uma comunidade terapêutica. Também é radialista e locutor e autor de mais de vinte e cinco livros. Participa como pregador nos acampamentos de oração na Canção Nova.

“Toda a vida de Jesus e todo o Seu ministério são, para nós, cura e libertação. Jesus está a nosso favor! Não devemos lançar olhares desesperados, mas sim um olhar de confiança em quem pode nos salvar! Jesus está vivo para nunca mais morrer: É o único fundador de Igreja que ressuscitou e está vivo até os dias de hoje e que nunca mais morrerá!”, afirmou o sacerdote durante pregação na qual citou os dez mandamentos para a cura.

.: Precisamos de cura e libertação?


 

 Enilda Rocha da Silva, de Belo Horizonte (MG), há vinte anos é membro da Comunidade Canção Nova. Atua na TV Canção Nova como editora e na direção de programas; também é pregadora e conduz oração de cura e libertação. Em uma pregação ela afirmou que a chave da felicidade é viver bem o agora: “Não perca a oportunidade de perdoar e pedir perdão. Deus nos convida a uma vida ativa diante d'Ele, pois, dessa forma, faremos a escolha correta pela felicidade. Precisamos visitar a casa de Deus, mas não tratar isso como obrigação, pois isso deve ser algo essencial para nossa sobrevivência.”

.: A chave para a felicidade


 

 

Natural da cidade de Perdões (MG), padre Vagner Baia da Rocha tem dezoito anos de sacerdócio e é missionário da Comunidade Canção Nova. Publicou o livro “Cura, Senhor, onde dói”, cujo objetivo é levar os leitores à experiência de cura interior e libertação: “Porque não há ninguém que não tenha passado por algum sofrimento e que não tenha sido contaminado por algo oculto”.

O sacerdote ministra pregações em acampamentos e aprofundamentos da comunidade fundada pelo monsenhor Jonas Abib, sobretudo ligados à temática de cura e libertação. Em uma dessas ocasiões ele indicou nove passos essenciais para uma oração eficaz.

“Quando buscamos culpas e culpados que nos fizeram sofrer, vivemos o ressentimento e bloqueamos a relação com outras pessoas. Veja a carência de uma criança, ela fica doente por falta de afeto. Quantos experimentam doenças emocionais por falta de carinho, falta de amor do pai, da mãe; essa carência se transforma numa doença espiritual,” afirmou o sacerdote durante pregação.

.: Nove passos para a cura e libertação

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo