Saiba mais sobre o programa 'Lição de Vida'

O Programa 'Lição de Vida', exibido todas as sextas-feiras, às 16h30, pela TV Canção Nova, foi ao ar pela primeira vez no dia 25 de maio de 2007. A idéia de lançar um programa que abordasse especificamente o terceiro setor (constituído por organizações privadas e associações sem fins lucrativos) e as ações desenvolvidas por este segmento deve-se à sua projeção na economia nacional e a influência direta na vida de milhões de brasileiros.

A proposta, inédita na televisão brasileira, semanalmente divulga a iniciativa de pequenas, médias e grandes fundações, institutos, associações, organizações não-governamentais (Ongs), entidades beneficentes, empresas com responsabilidade social e pessoas físicas que desenvolvem projetos assistenciais, sociais, educacionais, culturais, artísticos, de reabilitação física e moral, de profissionalização e geração de renda. Com um estilo informal e descontraído, a história desses trabalhos é contada pelos próprios personagens, os quais foram capazes de transformar simples atitudes em grandes projetos de solidariedade e amor ao próximo.

Apresentada pelo jovem Paulo Alexandre Barbosa, colaborador da Comunidade Canção Nova e um incentivador das causas sociais, a série é voltada à valorização, à divulgação e à sensibilização do trabalho desenvolvido pelas organizações que compõem o terceiro setor no País.

O objetivo dessa iniciativa é impulsionar ainda mais a participação de novos membros da sociedade organizada nesse promissor eixo de desenvolvimento e mostrar que é possível e viável realizar trabalhos voluntários com a ajuda e a orientação de personagens que semanalmente nos dão uma grande lição de vida.

Quem é Paulo Alexandre Barbosa?

Paulo Alexandre Barbosa tem 28 anos e já acumula em seu currículo inúmeras conquistas e desafios. Aos 21 assumiu a função de assessor especial da Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer do Estado de São Paulo. Pouco tempo depois, foi nomeado diretor de projetos especiais da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE), órgão público vinculado à Secretaria Estadual de Educação. Aos 24 anos, foi convidado pelo então governador Geraldo Alckmin para ocupar o cargo de secretário adjunto de Estado da Educação. Nesse período ajudou a implantar e coordenar o maior programa de bolsas de estudo do País: o 'Escola da Família'. Determinado e com grande espírito de liderança e altruísmo, o jovem foi eleito o quinto Deputado Estadual mais votado em São Paulo, em 2006.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo