Saudoso padre Léo celebrou o Hosana Brasil em 2006

Por Alessandra Borges
Da redação

O “Hosana Brasil de 2006” é considerado um dos mais emocionantes na história desse evento, pois nesse ano os missionários da Comunidade Canção Nova e peregrinos foram surpreendidos com a presença do saudoso padre Léo.

Exatamente no segundo dia do acampamento foi ministrada a primeira pregação do fundador da Comunidade Bethânia, após a descoberta do linfoma de Burkitt, tipo de câncer com origem no sistema linfático. Naquele dia, o sacerdote, mesmo debilitado devido ao tratamento, conseguiu autorização do médico para estar na sede da Canção Nova e participar do maior evento dessa obra de evangelização.

O tema da pregação: ‘Buscais as coisas do alto’ conhecido por muitos, levou milhares de fiéis às lágrimas ao acompanharem as sábias e profundas palavras do sacerdote, cujo dom de pregar era inovador e único.

Segundo a cofundadora da Comunidade Canção Nova, Luzia Santiago, essa edição do “Hosana Brasil” foi marcante por destacar, diante do testemunho desse grande homem de Deus, a essência desse evento.

“Foi o momento mais marcante até hoje do ‘Hosana Brasil’, porque o padre Léo estava completamente enfraquecido, doente, mas ele quis vir celebrar o ‘Hosana Brasil’ e aqui nós vemos a essência de celebrar esse evento. Independente de como estamos e de como as pessoas vão nos ver, não devemos ter vergonha. Padre Léo não teve vergonha do estado em que se encontrava! Ele não teve vergonha”, enfatizou a confundadora da comunidade católica.

Padre Léo emociona peregrinos com o seu testemunho
Foto: Arquivo/ CN

Luzia recorda que o sacerdote do Sagrado Coração de Jesus precisou de ajuda para subir no helicóptero, pois ele estava sem condições de caminhar. Nesse dia do evento, ele pregou o tempo todo sentado, em função das limitações físicas, no entanto, a missionária destaca que a experiência vivida por ele foi uma experiência do céu.

“Ver o padre Léo e poder perceber o testemunho, a vivência, a entrega e o abandono, ao mesmo tempo ali nós vimos o Cristo transfigurado, o Cristo sofredor. É uma lição para nós, o testemunho de que a nossa vida precisa ser isso. A minha vida precisa ser este abandono, este despir, este ficar nu e não termos medo nem vergonha. Como ele disse durante a pregação: até a sua dignidade de ser humano ele teve que entregar, porque ele percebeu que teve suas vestes depostas como Cristo, em total abandono a Deus, mas ao mesmo tempo com a alegria do Alto”, recordou Luzia.

As palavras do padre Léo, durante este momento de partilha, destacam a importância de olharmos para o Alto e, mesmo diante da dor, prosseguir: “É preciso ter uma meta, e a nossa meta é muito grande. Quem se acostuma com coisa pequena não pode ir para o céu. O céu é para quem sonha grande, pensa grande, ama grande e tem a coragem de viver pequeno. Isso é o céu” (Padre Léo).

Luzia Santiago ressalta que o sacerdote morto em 2007 continua a converter multidões com suas pregações e que, naquele dia, ele encontrou a verdadeira alegria: a entrega a Deus, pois ele estava pronto para entrar para o céu.

“Foi assim que o padre Léo deixou a sua marca para nós. O grande pregador que ele foi, no ‘Hosana Brasil’ ele celebrou suas últimas horas dizendo e mostrando com a vida, para mim, Luzia, e para todos nós, que o nosso lugar é o céu”, enfatiza a cofundadora.

Reveja a pregação do padre Léo, ministrada nesse dia:

Leia mais:

:. Livro ‘Buscais as coisas do alto’ – Padre Léo

:. DVD Palestra do Evento Hosana Brasil 2006 – Padre Léo

:. Padre Léo prega após 10 meses de luta contra o câncer

:. Transcrição da pregação ‘Buscai aos coisas do alto’

:. Veja as fotos do Hosana Brasil 2006

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo