Jesus Cristo é a própria semente

Monsenhor Jonas Abib
Foto: Wesley Almeida/Cancaonova.com
Na parábola de Jesus, em Mateus 13, 1-9, é interessante vermos que o costume da Palestina era pegar as sementes e ir as atirando para todos os lados. Hoje nós estamos acostumados a ver as semeadoras abrindo uma cova e colocando uma semente lá dentro, mas o costume daquela época era atirar e lançar as sementes.

Jesus nos fala e aprova esta maneira de semear; Ele nos diz que é preciso semear a semente desta maneira e atirar a Sua Palavra para todos os lados para que, assim, ela possa atingir todas as pessoas: más e boas ou adultas e jovens. E, que para isso acontecer, o terreno precisa estar preparado e a pessoa precisa doar o seu coração.

Observe, pois tudo depende do seu coração. Jesus já está lançando a Sua semente e de mãos cheias, porque o Senhor é exuberante e abundante. O Senhor lança Sua Palavra aos pouquinhos, porque tudo depende do seu coração. Precisamos acolher a Palavra de Deus em um bom terreno.

Nós devemos querer que o nosso coração seja uma terra boa para colher frutos bons, por isso pedimos esta graça ao Senhor. Esta é a vontade de Jesus, porque precisamos da semente da Sua Palavra. Não somente Jesus semeia a semente, mas Ele é a semente para que todos possam recebê-Lo.

Jesus é a semente que está sendo lançada e atirada sobre todos nós. Nós que tivemos a graça de reconhecer e ter um encontro pessoal com Cristo, Ele quer muito mais de nós. Ele quer que todos O recebam, pois o Senhor se lança e tudo depende do nosso coração.

Jesus se lança para nós, mas é preciso que cada um de nós saiba acolhê-Lo. Vem, Senhor Jesus, e atire-se em mim, porque eu quero Te acolher. Amém.

Monsenhor Jonas durante celebração da Santa Missa em intercessão ao Pai das Misericórdias.
Foto: Wesley Almeida/Cancaonova.com
A primeira leitura mostra o início da profecia de Jeremias em que ele diz: "Antes de formar a semente no ventre materno eu já te conhecia. Antes de sair do vente da sua mãe e te fiz profeta das nações".

Nós vimos que Jeremias foi profeta em uma época em que Israel estava passando por uma situação muito difícil. Jeremias, conduzido por Deus, foi obrigado a ser o profeta dessa época, pois ele precisou ser o profeta das ameaças para que o povo pudesse se converter. Ele foi preso, mas voltou do exílio falando ao povo que Deus o libertaria. Foi um profeta maravilhoso como Isaías, pois, antes mesmo de sair do seio da sua mãe, o Senhor o havia consagrado e feito dele o profeta das nações. O Senhor diz a você também essas palavras; que são uma grande e maravilhosa verdade, porque Deus nos ama e nos conhece muito antes de estarmos no vente materno.

Jesus nos consagrou para sermos santos e santos para o céu, pois o nosso destino e o nosso lugar é o céu. Talvez você não venha a ser um profeta como Jeremias e Isaías, mas Deus quer falar por intermédio de você e pelas suas palavras levar o seu testemunho a outras pessoas. A sua vida precisa falar muito mais que suas palavras, mas estas também são necessárias porque muitos precisam ouvi-las e ver seu testemunho de vida.

Deus quer que a sua vida seja uma visão para outras pessoas, de maneira que a sua vida testemunhe a misericórdia e o amor do Senhor. O Senhor Deus diz a Jeremias que ele não tenha medo, porque Ele o defenderá. Por isso, o Senhor faz um gesto belíssimo e toca em sua boca para que ele possa levar a Palavra d'Ele aos demais. Portanto, devemos aceitar esse chamado e ser profetas com as nossas palavras e nossa vida. Rezemos: Coloque, Senhor, Sua mão em nossa boca e em nosso coração para que possamos anunciar Sua Palavra com a nossa vida.

Nada melhor do que a oração para nos conduzir a este caminho, porque ela é uma semente maravilhosa. Nós teremos hoje 24 horas de muita oração e intercessão, para que a semente do Senhor seja espalhada por todos os lados. Nós não sabemos aonde nossa oração vai chegar nem a quem ela vai atingir.

Peço a Deus a graça de orarmos incessantemente nestas 24 horas para que possamos atingir a todos que precisam dessa graça.

Transcrição e adaptação: Alessandra Borges


Monsenhor Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo