O Justo vive pela fé

Saulo: a conversão de um homem que perseguia, para um homem que anunciava.

A Palavra, muito conhecida por todos nós, narra a conversão de um homem muito importante para a fé católica: São Paulo. Homem que, no caminho para Damasco, encontrou Jesus.

Palavra Atos 9,1-20

Natalgil da Silva Foto: Andréia Britta/cancaonova.com

Falar da conversão de São Paulo é falar da experiência que todos os filhos de Deus devem passar. Antes de conhecer o Cristo, Paulo era conhecido como Saulo; após o encontro, passou a ser chamado Paulo, representando assim todas as mudanças acontecidas em sua vida. 

Seu nome era Saulo de Tarso, pois a sua cidade de origem era Tarso. Como um bom judeu, teve todos os ensinamentos religiosos, como era tradição na sua época. Tudo isso para ser um bom rabino e bom judeu. Saulo foi sendo catequizado dentro da doutrina judaica, dia após dia sendo formado para viver com coerência a sua fé.

Para aprofundar-se nos conhecimentos da fé judaica, seus pais o enviaram para Jerusalém, à escola de Gamaliel. Como um judeu aplicado, ele queria defender a sua fé.

Saulo era um homem inteligente e rico na sua fé. A palavra de Atos 9,1-20 narra o encontro que revolucionou a vida de Saulo, quando, a caminho para Damasco, ele se deparou com uma luz e uma voz que o chamava pelo nome. 

A conversão de um homem

A conversão de um homem que perseguia para um homem que anunciava o Cristo é um testemunho de algo que, aos olhos humanos, não era possível imaginar, uma grande obra de Deus, um milagre divino.

Falo isso para que você entenda que se Deus foi capaz de transformar a vida desse homem, ele pode transformar também a sua vida, o seu impossível. Só precisamos acreditar. A palavra é acreditar.

Talvez hoje você não acredite que o impossível pode ser superado, mas a Palavra vem testemunhar para nós que tudo é possível para Deus, tudo pode ser transformado pelo Seu amor.

Leia também:
.: Você sabe por que Saulo era um dos perseguidores da Igreja?
.: Paulo, um servo chamado a ser apóstolo
.: A vocação nasce do encontro

Essa palavra é muito rica, pois nos dá muitos ensinamentos. O primeiro ensinamento passa pela queda de Saulo ao contemplar a luz. Que hoje você possa enxergar com um novo olhar.

Ao cair do cavalo, Saulo ele se deparou com uma voz. Como resposta, ele questionou de quem era aquela voz. O Senhor lhe deu uma ordem: Saulo, levanta-te e foi até a cidade. Ele foi dócil à voz de Jesus e seguiu Suas ordens. O segundo ensinamento de São Paulo é a obediência. Ele ouviu e obedeceu à voz de Deus. No dia a dia, damos vários passos na fé, pegando um táxi, ônibus ou indo ao médico. Então, por que não confiamos inteiramente em Deus?

O terceiro ponto é muito lindo e forte: ser um homem dependente do Espírito Santo. Esse homem se deixou conduzir pelo Espírito e foi anunciar o Evangelho na Ásia, na África e em tantos outros lugares.

Guiado pelo Espirito

Saulo se tornou São Paulo pela graça e força do Espírito Santo. Ele recebeu a graça do batismo no Espírito Santo por intermédio de Ananias, que rezou e pediu sobre ele a Metanóia, a mudança de vida. Ao receber ao Espírito Santo, imediatamente, diz a Palavra, ele passou a anunciar o Evangelho. Aquele homem que perseguia os cristãos passou a anunciar a Boa Nova.

Paulo disse : Eu vi o Senhor.

Embasados nesses três pontos, Paulo ouviu a voz do Senhor, obedeceu-Lhe e deixou-se ser guiado pelo Espírito Santo. A vida nova que Cristo veio nos dar passa pela abertura para a graça de Deus, quando O ouvimos, obedecemos-Lhe e deixamo-nos ser guiados pelo Espírito Santo.

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Transcrição e adaptação: Saulo Macena

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo