Livres dos males que advêm do pecado

-Livres-dos-males-que-advêm-do-pecado-

Irmã Maria Eunice
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

O salário do pecado é a morte

Se quisermos viver, se quisermos estar sempre na Terra Prometida, sem querer voltar para a terra da escravidão, que era o Egito, precisaremos fazer um compromisso com Deus e tomar uma decisão. Deus nos dá a graça da escolha, da liberdade, mas, muitas vezes, pagamos um preço muito alto por fazermos a escolha errada. Escolhemos a vida ou a morte? A liberdade ou o exílio? A obediência ou a desobediência? A bênção ou a maldição?

Em Êxodo 23-25, o Senhor nos diz que vai tirar as enfermidades de nós, as quais são frutos do pecado; então, precisamos ter horror ao pecado! Temos inimigos dentro e fora de nós. Os de fora podem ser influenciados pelo mal ou não, mas os de dentro são nossos, e são os piores. Livremo-nos deles! Paremos de tomar os venenos que nos distanciam de Deus. A cura é sempre um processo; e quanto mais vamos nos encontrando e nos aproximando de Deus, essas coisas vão saindo de nós e perdem a força. Quanto mais participamos dos sacramentos, da Missa, quanto mais rezamos, mais ficamos parecidos com Cristo.

Viva na graça

A vida é como um sopro; então, lutemos contra as ocasiões de pecado! Cristo quer nos libertar das trevas do passado e das desavenças do presente, para que sigamos livres para o futuro. Ele quer nos libertar de tudo o que nos torna cativos.

Jesus não é algo distante de nós. Quando fazemos um compromisso com Ele, quando comungamos, adoramos, quando nos prostramos diante d’Ele, Ele se faz presente no meio de nós e não quer que sejamos escravos do mundo. Se acreditarmos, veremos a glória de Deus e nunca mais vamos querer ficar cativos, porque Aquele que cura e liberta está no meio de nós. Se o Cristo tomou sobre si as nossas enfermidades, paremos de carregar nossas doenças e feridas sozinhos! Arranquemos o pecado pela raiz, para que sejamos salvos pelas chagas de Jesus.

Confira um trecho da pregação:

Leia mais:
::Quinze exercícios para um frutuoso ministério de cura e libertação
::O pecado é uma ruptura da nossa relação com Deus


Transcrito e adaptado por Rebeca Astuti

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo