Sem comunhão com Deus não há vitória no combate

Deus pede que estejamos em comunhão com o Seu coração e combatentes na oração 

Sem comunhão com Deus não há vitória no combate

Padre Roger Luis. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Quero pedir ao Espírito Santo para nos dar audição espiritual, para que Ele possa preparar o nosso coração para a semeadura com toda força e autoridade de cura. Refletiremos a Palavra de Deus que está em João 15, 1.

Somos homens e mulheres buscando fazer a vontade de Deus. Para tal, precisamos entender o que o Senhor tem a nos dizer e como Ele quer nos conduzir. Precisamos estar em profunda comunhão com Deus; e João nos diz que essa vida de intimidade e oração com Ele é a permanência.

O princípio da comunhão está em permanecer com Jesus. A vida sobrenatural tem de ser expressiva em nós e, Jesus, nos dá o sinal de como precisamos caminhar. Porque só conseguiremos executar o que Deus tem para nós quando gastamos tempo em Sua presença.

Quando olhamos só para nós e esquecemos de buscar essa comunhão com Ele, nos sucumbimos. Sem Deus nada podemos fazer!

Peça a intercessão de Deus

A intercessão é a oração pelos outros. Nós não podemos dar fruto por nós mesmo, existe um limite, então, precisamos permanecer na videira para dar frutos. Os frutos são gerados quando permanecemos ao lado de Jesus.

Os frutos são produzidos quando vivemos uma intensa busca por Deus, porque nós somos só os ramos.

Lembram daquele ato fé quando Jesus vem andando pelas águas? E, Pedro, também pede para andar sobre as águas; e enquanto permanece ligado ao olhar do Senhor, ele caminha sobre as águas. Mas quando desvia o olhar dele dos olhos do Senhor, ele afunda. Assim também acontece conosco quando nos afastamos do Senhor.

A Igreja precisa de intercessores

Nós precisamos levantar intercessores urgentemente, porque precisamos listar homens e mulheres que estão dispostos a pagar o preço da intercessão e permanecer sempre com o Senhor.

A nossa confiança precisa estar em Deus! Para que, assim, possamos sair de nós mesmos e fazer a obra d’Ele.

Quando temos comunhão com Deus, por exemplo, é como a comunhão da mãe com o filho. A mãe sabe exatamente do que o filho precisa. Por isso, quando temos comunhão com Deus, Ele sabe do que precisamos, pois o nosso coração está em união com o d’Ele.

O Antigo Testamento, em Samuel 1, 4-11, nos mostra que sem comunhão com Deus não há vitória. Não existe vitória sem combate e intercessão, porque nós precisamos estar em comunhão com o Senhor.

Leia mais:
.: A Palavra de Deus é o segredo para vencer no combate espiritual
.: Perseverar na vontade de Deus

Quando permanecemos em Deus, há vitória! O Senhor vê o coração de quem tem comunhão com Ele. O Senhor não olha a nossa aparência, e sim o coração de quem está ligado ao d’Ele.

Deus está interessado no coração que tem comunhão com Ele, por isso, diante do combate é preciso que haja intercessão para alcançamos a vitória.

Os gigantes que aparecem na nossa frente precisam ser combatidos com a comunhão intensa de Deus. Pode até demorar, mas a vitória é certa. Sem comunhão com Deus não há vitória! 

Entenda aquilo que o Senhor comunica a cada um de nós; e permaneça em união com Ele. Desse modo, saibam quem será o vencedor. O Senhor, em muitos momentos, nos livra dos “gigantes”. Isso quando estamos em comunhão com Ele.

A oração é um esforço diário e um combate com o tentador que quer nos afastar de Deus. O tentador tenta sempre nos desviar da comunhão com Deus, porque, ele sabe que quando não estamos em oração e união com Deus: acabamos caindo.

Não há nada mais poderoso do que homens e mulheres que rezam! São Bernardo nos diz que a oração é mais potente do que todos os demônios.

Transcrição e adaptação: Alessandra Borges

Veja pregação completa:

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo