Fundamento do movimento “Mães que oram”: o chamado, a formação e o envio

 Fundamento do movimento: o chamado, formação e o envio

Angela Abdo. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Há quatro anos nascia o grupo “Mães que oram”. Deus usa de coisas simples para nos chamar. Ele chamou a cada uma de nós para uma vocação, o primeiro chamado foi o de sermos mães biológicas de nossos filhos. Algumas são chamadas a ser mães biológicas e espirituais também.

“E apascentava Moisés o rebanho de Jetro, seu sogro, sacerdote em Midiã; e levou o rebanho atrás do deserto, e chegou ao monte de Deus, a Horebe. E apareceu-lhe o anjo do Senhor em uma chama de fogo do meio duma sarça; e olhou, e eis que a sarça ardia no fogo, e a sarça não se consumia” (Êxodo 3, 1-2).

Moisés estava trabalhando quando Deus o chamou, muitas pessoas acham que o chamado do Senhor vem do extraordinário, mas não é assim que este se dá. Esse profeta passou por muitas dificuldades e quase morreu, mas o Senhor tinha um chamado para ele, por isso o poupou. Ele foi adotado pela irmã do faraó o Egito e, passados alguns anos, descobriu que fora adotado, matou um homem e foi para o deserto.

As pessoas e as atividades nos sobrecarregam o tempo todo, por essa razão muitas mães não conseguem ouvir a Deus.

contribuicaocn

“E vendo o Senhor que se virava para ver, bradou Deus a ele do meio da sarça, e disse: ‘Moisés, Moisés’. Respondeu ele: ‘Eis-me aqui’. E disse: ‘Não te chegues para cá; tira os sapatos de teus pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa’” (Êxodo 3, 4-5).

E hoje o Senhor faz um convite a você. Deus a está chamando para que juntas possamos levantar no Brasil um exército de mães que rezam, somos aquelas que não desistimos, somos arautos da esperança. Se a palavra de uma mãe tem influência na vida dos filhos, imagine a oração dela. Precisamos rezar pelas nossas famílias.

Minha filha sempre reclamava e não queria ir à celebração da Santa Missa, contudo, eu nunca deixei de levá-la, e na hora do sofrimento ela se recordou dos meus ensinamentos e procurou a Igreja.

O movimento “Mães que oram” cresceu primeiro sob a obediência de Dom Luiz, e hoje somos obedientes ao padre Anderson, pois ele acompanha nossa missão. Ele [padre Anderson] pediu que eu escrevesse um manual do nosso grupo de oração para ajudar a quem quer criar um grupo na sua cidade. Se você quer montar um grupo com o nosso carisma em sua cidade é só nos enviar um e-mail.

“Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaac, e o Deus de Jacó. E Moisés encobriu o seu rosto, porque temeu olhar para Deus.

Angela Abdo. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Angela Abdo. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

:: Veja mais foto no flckr

E disse o Senhor: Tenho visto atentamente a aflição do meu povo, que está no Egito, e tenho ouvido o seu clamor por causa dos seus opressores, porque conheci as suas dores. Portanto, desci para livrá-lo da mão dos egípcios, e para fazê-lo subir daquela terra, a uma terra boa e larga, a uma terra que mana leite e mel; ao lugar do cananeu e do heteu, do amorreu e do fereseu, do heveu e do jebuseu” (Êxodo 3, 6-7).
A Palavra Deus fala que o Todo-poderoso escuta o nosso clamor, essa palavra que é de libertação para o povo de Israel, hoje também o é para nossos filhos. A libertação chegará! Nosso papel é servir de elo para que os nossos filhos façam as pazes com Deus.
“Então Moisés disse a Deus: ‘Quem sou eu para ir ao faraó e fazer sair os israelitas do Egito?’” (Êxodo 3,11).

Muitas vezes, nós nos achamos indignas de servir ao Senhor, mas é Ele quem nos chama e vai à nossa frente.

“E Deus disse a Moisés: ‘Assim dirás aos filhos de Israel: O Senhor Deus de vossos pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó, me enviou a vós; este é meu nome eternamente, e este é meu memorial de geração em geração’” (Êxodo 3, 15).

Deus chamou Moisés e este arrumou uma desculpa, por isso o Senhor colocou Aarão para ajudá-lo. O Senhor não esperou Moisés estar pronto para servi-Lo, mas disse que ele fosse que Ele iria com ele. Por isso se você quer fazer esse grupo na sua cidade não tenha medo!

Adquira:

Livro Mães que oram pelos filhos – Angela Abdo

Adquira esta pregação pelo
telefone (12) 3186-2600

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo