Brilho da Castidade

Padre Edimilson Lopes
Foto: Natalino Ueda/Cancaonova.com
Os Jovens Sarados estão em luta, precisamos combater o inimigo e nos deixar sermos conduzidos pelo Senhor. O pecado nos destrói, mas Jesus nos acolhe!

Se o meu viver for agradável ao Senhor, alcançaremos a coroa a graça. Precisamos resistir até o sangue e não nos deixar levar pela carne, devemos sobreviver as tentações, mesmo sendo difícil, como nós sabemos. Não tem sido fácil em nossas famílias, mas também em nossas comunidades, como bem sabemos, mas o Senhor será o nosso sustento. Muitos nos criticam, mas nós devemos ser confiantes no Senhor e vencer as nossas fraquezas em Deus, vençamos o mal. Se em oração eu combater e em santidade nós vivermos, nossa vida será uma luz para esta nação. Mesmo sem forças, devemos caminhar para encontrar a salvação. Não tem sido fácil para ninguém, portanto sejamos perseverantes!

Que o Senhor nos fortaleça para o bom combate!

Vocês não segue a homens, vocês seguem o Senhor, pois Ele pagou um alto preço por mim e por você, seguimos uma doutrina e uma Palavra estabelecida por Deus! Devemos buscar a leitura da Palavra, pois é neste caminho que o Senhor quer que trilhemos.

Hoje, temos a graça de termos o livro do Youcat, livro este que a Igreja nos dá de presente e por isso é importante que cada um de nós busque lê-lo com intensidade.

Irmãos, foi nos dado a graça de buscarmos a santidade, por isso devemos agir de maneira diferente: com radicalidade! Jovens Sarados precisam buscar uma vida casta, não somente na área sexual, pois castidade não é só isso, mas que tenha brilho e pureza em sua vida.

O nosso semblante de jovem precisa ser diferente do que o mundo nos impõe, sejamos luz para o mundo!

Usamos a cruz, não para honra dos “Jovens Sarados”, mas é uma resposta ao que o meu fundador, monsenhor Jonas Abib, que muitas vezes em suas pregações nos ensinava: o amor que nós devemos ter a essa Cruz de Cristo.

No tau que usamos em nosso pescoço temos o nó da castidade, que significa a alegria da livre escolha de ser de Deus, ou seja, brilho de quem quer viver naturalmente e não de maneira forçada a castidade!

“Castidade é uma virtude sumamente necessária!” Dom Bosco, e ainda “é uma virtude superior as outras virtudes”. Isso não quer dizer apenas ao celibato, mas uma escolha que nos tira de nós mesmos e nos leva aos outros. A castidade nos leva a pureza e a santidade.

“Que ninguém o despreze por ser jovem. Quanto a você mesmo, seja para os fiéis um modelo na palavra, na conduta, no amor, na fé, na pureza.” Tm 4, 12

Existe uma diferença em ser casto e em se castrado! Ser casto é viver com liberdade em Deus, a sua sexualidade. Já o castrado, você percebe que esta pessoa age de forma diferente: seu comportamento está voltado para si.

O jovem casto é completo, com suas lutas diárias, mas completo!

Para os castos tudo é puro, mas para os impuros e incrédulos nada é puro até o pensamento e sua consciência são manchados.

"Que o Senhor nos fortaleça para o bom combate!"
Foto: Natalino Ueda/Cancaonova.com

 :: Veja fotos no Flickr
:: Veja + fotos também no Facebook

A nossa castidade nos mostra que vale a pena fazer esta escolha! A nossa convivência deve ser de forma sadia.

A virtude da castidade não pode ser um peso, pois como o atleta só conquista a taça se competir seguindo as regras: caso você não vença quem perde é você!

Jovens Sarados, não neguem por nenhum momento o seu ser sarado, o seu ser de jovem que pertence ao Senhor, o nosso viver deve ser agradável a Deus.

“Sem Jesus Cristo, podemos ser uma ONG piedosa, mas não a Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo”, com disse o nosso novo Papa Francisco. Sejamos piedosos e vivamos a castidade em todos os sentidos.

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira


Padre Edimilson Lopes


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo