Encontro com a misericórdia

Padre Hamilton
Foto: Elcka

Neste dia da misericórdia que o Senhor possa nos dar uma fé viva, uma fé nova. A vitória que vence o mundo é a nossa fé, em Cristo Jesus vivo e ressuscitado. Quando Jesus apareceu a Santa Faustina, revelando sua mensagem, pedindo que confeccionasse o quadro da Divina Misericórdia, para que as pessoas pudessem introduzir a paz em suas casas, Jesus apareceu a ela como está no quadro, em primeiro lugar com a mão no coração, pois é dali que jorra a água da vida, e com a outra mão o Senhor está abençoando, pois hoje é dia de benção, o Senhor hoje estará nos concedendo essas graças que são muitas.

Se nós acreditamos que Jesus é o Filho de Deus, somos mais que vencedores. Jesus veio pela água e pelo sangue, pelo água do batismo que entramos para a família de Deus, água da regeneração, mas não só pela água, mas pelo sangue também, sangue que nos purifica, a partir de hoje você vai experimentar o poder do sangue de Jesus. Vai experimentar a vida de um filho de Deus, que não se deixa vencer pelo mal, quem é Cristão, católico, batizado não pode se deixar vencer pelo mal.

Os devotos de Deus, da misericórdia podem ter o diário de santa Faustina para meditar a bondade de Deus. Jesus disse a Santa Faustina: “Estou exigindo de ti atos de misericórdia, que devem decorrer do amor para Comigo. Deves mostrar-te misericordiosa com os outros, sempre e em qualquer lugar. Tu não podes te omitir, desculpar-te ou justificar-te… deve lembrar as exigências da Minha misericórdia, porque mesmo a fé mais forte de nada serve sem as obras” (Diário, 742).

'A vitória está no Cristo ressucitado'
Foto:Elcka Torres

Muitos querem receber muitas graças, mas para isso precisamos ser misericordiosos, Jesus pediu a Santa Faustina que exercesse a misercórdia em três graus: primeira a ação, em segundo a palavra e em terceiro a oração. Quem é Cristão se coloca em ação, não existe cristão de braços cruzados, não pode existir quem creia na misericórdia de Deus e fique de braço de cruzados, o Senhor é misericordioso conosco e nos pede obras de misericórdia.

Precisamos nos colocar em ação, somos um povo a um caminho, como dizia padre Léo: "quem não sabe para onde vai, não chega a lugar algum". Não dá para ficar parado, ficar sem fazer nada, o que Jesus disse a Santa Faustina ele diz a nós, precisamos anunciar a palavra de Deus, ela tem poder, precisamos ser homens e mulheres de ação, da palavra, e a oração, como diz monsenhor: "a oração é o oxigênio da alma", quem não reza, não persevera. Jesus ao longo de toda sua vida, foi sempre um homem orante, em tudo Ele rezava ao Pai.

Para que o mundo acredite que Jesus está vivo precisamos nos colocar em ação, proclamar a palavra e oração, muito oração. Nos devemos nos lembrar que as exigências das misericordias são estas, ação, palavra e oração. Esta fé que estamos pedindo hoje, uma fé viva, uma fé nova, traduzida na vida, testemunhada no amor pelos irmãos.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo