Jesus Cristo a pessoa certa

Padre José Augusto
Foto: Elka Torres

Jesus entrou na sinagoga de Nazaré e leu a passagem onde diz: “O Espírito do Senhor está sobre mim, porque me ungiu; e enviou-me para anunciar a boa nova aos pobres, para sarar os contritos de coração, para anunciar aos cativos a redenção, aos cegos a restauração da vista, para pôr em liberdade os cativos, para publicar o ano da graça do Senhor”(Lucas 4, 18 – 19). Depois, à medida que o Senhor fazia os milagres a notícia se espalhava e o povo perguntava uns aos outros o que Ele estava fazendo. E muitos contavam os milagres que tinham sido feitos por Ele, e cada vez mais pessoas se ajuntavam para segui-Lo.

Um dia, quando Jesus estava no meio da multidão, apareceu-lhe um homem chamado Jairo e disse a Ele: “Meu filho está enfermo, tu podes curá-lo?” E Jesus respondeu a ele: “Eu vou”. No meio do caminho aparece uma mulher que tinha um fluxo de sangue e que há 12 anos padecia desta enfermidade. Esta mulher era considerada impura, pois naquela época as mulheres quando estavam menstruadas eram consideradas impuras. Então, tudo que ela tocava, sua cama, seus objetos, tudo era considerada impuro. Imagine como ela devia sofrer, pois além da doença, era marginalizada.

No Evangelho de São Marcos 5, 25 encontramos esta passagem que fala desta mulher e diz que ninguém tinha uma solução para a enfermidade dela. Talvez você mulher ou até mesmo você, homem, esteja passando por uma situação que ninguém te apresenta uma solução, mas, a Palavra vai dizer que aquela mulher ouviu falar de Jesus e ela aproveitou a oportunidade em que Ele estava passando por ali para ir atrás d'Ele.

Por que será que ela foi por detrás de Jesus? Porque ela sabia que a rejeitariam por ser considerada impura, mas trazia a esperança de que Jesus poderia curá-la; e ela disse: “Se tocar, ainda que seja na orla do seu manto, estarei curada”. Nós precisamos ter a fé que teve essa mulher e saber que se formos em Jesus, Ele poderá mudar nossa situação.

O Evangelho diz que Jesus estava andando e havia muita gente em volta d'Ele, e aquela mulher vai e O toca. No versículo 29, diz que: “…no mesmo instante se lhe estancou a fonte de sangue, e ela teve a sensação de estar curada”. Mas não foi somente uma sensação, ela foi curada de fato. Foi curada porque foi na pessoa certa e nós também precisamos ir na pessoa certa que é Jesus.

'Nós devemos ir somente atrás de Jesus', diz Padre José Augusto
Foto: Elka Torres

O Evangelho continua dizendo: “Jesus percebeu imediatamente que saíra dele uma força e, voltando-se para o povo, perguntou: Quem tocou minhas vestes?”. Era difícil saber quem O tocou no meio de uma multidão, mas o importante é que aquela mulher foi na pessoa certa. Jesus conhece cada um na sua intimidade, Ele se compadece de nós diante das nossas situações e problemas.

Agora vejamos a aflição daquela mulher: ela ficou aflita porque ninguém poderia saber que ela, considerada impura, havia tocado em alguém. Ela ficou exposta no meio da multidão. Jesus até pergunta aos seus discípulos quem O havia tocado, mas eles dizem que no meio daquela multidão era difícil saber quem O havia tocado. Talvez você esteja sofrendo como esta mulher, talvez você tenha síndrome do pânico e diante de uma multidão você fica aflito(a), atemorizado(a), trêmulo(a), com medo, mas Jesus se compadece de você. Faça como esta mulher, vença seus medos e vá na pessoa certa que é Jesus.

Aquela mulher se apresentou a Jesus e justificou-se para Ele. Assim também o Senhor nos ouve. Quando você reza, quando você vai a uma igreja, quando você pede para alguém rezar por você, Ele te ouve! Jesus disse para aquela mulher: “Filha, a tua fé te salvou. Vai em paz e sê curada do teu mal”. Aquele momento foi essencial para aquela mulher, pois ela devia estar pensando que Jesus ia acabar com ela, ia detonar com ela, mas ela foi na pessoa certa e por isso recebeu a cura, recebeu a solução do seu problema.

Muitas vezes nós vamos nos lugares errados, freqüentamos lugares que não nos convém e vamos cada vez mais nos afogando, nos afundando, enquanto na verdade nós devemos ir somente atrás de Jesus.

Ele curou aquela mulher, no corpo, no seu físico, mas também na alma. Jesus faz assim conosco, Ele nos deixa 100%, Ele nos cura integralmente.

Transcrição e adaptação: Flávio Costa


ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186-2600


Padre José Augusto


Sacerdote da Comunidade Canção Nova

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo