Jesus tem a chave da bênção

Padre Bruno Costa
Foto: Natalino Ueda/cancaonova.com

Com Jesus tudo, sem Jesus nada! Esta é a certeza que deve brotar em nosso coração e é esta certeza que quero exortar a cada um de vocês nesta pregação. Cada um de nós tem o desejo de rezar e reabastecer-se do Senhor Jesus. Estamos vivendo um momento de nos preenchermos do amor do Pai para que possamos nos manter firmes na caminhada.

Amados, com Jesus tudo pode ser mudado! Creia nesta verdade e proclame-a! Nós, que queremos uma vida nova, devemos ser ousados, viver uma vida disciplinada e radical. Não podemos desistir da vida nova que o Senhor nos concede. Nós não temos problemas, mas desafios a serem enfrentados. Somos guerreiros, somos combatentes e nãos podemos esmorecer.

É na disciplina de uma vida de oração que nos mantemos firmes diante das provações, por isso rezemos com a Palavra de Deus em Ap 3,7-13: “Ao anjo da igreja de Filadélfia, escreve: Eis o que diz o Santo e o Verdadeiro, aquele que tem a chave de Davi – que abre e ninguém pode fechar; que fecha e ninguém pode abrir. Conheço as tuas obras: eu pus diante de ti uma porta aberta, que ninguém pode fechar; porque, apesar de tua fraqueza, guardaste a minha palavra e não renegaste o meu nome. Eu te entrego adeptos da sinagoga de Satanás, desses que se dizem judeus, e não o são, mas mentem. Eis que os farei vir prostrar-se aos teus pés e reconhecerão que eu te amo. Porque guardaste a palavra de minha paciência, também eu te guardarei da hora da provação, que está para sobrevir ao mundo inteiro, para provar os habitantes da terra. Venho em breve. Conserva o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. Farei do vencedor uma coluna no templo de meu Deus, de onde jamais sairá, e escreverei sobre ele o nome de meu Deus, e o nome da cidade de meu Deus, a nova Jerusalém, que desce dos céus enviada por meu Deus, assim como o meu nome novo. Quem tiver ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.”

"Quando assumimos nossas fraquezas, o Senhor age", padre Bruno.
Foto: Natalino Ueda/cancaonova.com

 :: Veja fotos no Flickr

Esse livro do Apocalipse é profético, porque nos faz renovar a nossa esperança. Como agimos em meio ao combate? Será que somos fiéis às obras que temos em nossas mãos? Somos, por vezes, covardes quando vemos os muitos exércitos que nos assolam! Se vivermos de oração, o Senhor batalhará ao nosso lado. Ele é fiel ao dizer que "abre e ninguém pode fechar; fecha e ninguém pode abrir".

Somos chamados a viver uma vida de entrega ao Senhor em tudo o que fazemos, acreditando que tudo podemos fazer se enfrentarmos o bom combate de cabeça erguida. Porém, nunca devemos nos esquecer de nossas práticas de piedade: adoração, rosário, confissão e Santa Missa.

Amados, o inimigo está à solta e quer eliminar cada um de nós! Enfrentamos momentos de tribulação, mas a promessa do Senhor se cumpre: 'Farei do vencedor uma coluna no templo'. Szinhos somos fracos, mas com o Senhor vencemos todas as tribulações. É na fidelidade em fazer o pouco que o Senhor age! Tenhamos fé e o acréscimo Ele fará. Se você não tiver fé, busque-a. O Senhor se compadece de você e vem ao seu encontro.

Somos testemunhas para o mundo. Quando assumimos nossas fraquezas, Deus age em nossa vida. Coloquemo-nos a caminho! “Devemos ir ao encontro do outro”, nos ensina o Papa Francisco. Todos nós sofremos. Ou você acha que padre não tem medo? Eu tenho! Mas no Senhor vou dando passos, pois o combatente deve enfrentar as situações. Assim, a vitória nos será dada. No Senhor, não somos derrotados, mas vencedores. “As grandes batalhas são para os melhores guerreiros', nos ensina o Papa. É preciso ter fé. Desistir jamais! Lutemos até o fim, pois somos vencedores!

Não deixe para amanhã a sua mudança de vida. Busque, ainda hoje, a sua conversão.

Transcrição e adaptação: Luana Oliveira


Padre Bruno Costa


Sacerdote da Comunidade Canção Nova.

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo