O Ano da Fé

Padre Reginaldo Manzotti
Foto: Natalino Ueda/Cancaonova.com

”Portanto, não temais as suas ameaças e não vos turbeis. Antes santificai em vossos corações Cristo, o Senhor. Estai sempre prontos a responder para vossa defesa a todo aquele que vos pedir a razão de vossa esperança, mas fazei-o com suavidade e respeito.” (I Pedro 3,15)

Temos de estar atentos ao censo da nossa Igreja. Há uma grande evasão de fiéis, porque estamos acomodados como Igreja e também como padre. Nossos bispos estão clamando que os cristãos voltem para a Igreja, e nós precisamos responder 'sim' ao Senhor.

Nesse ano da fé, somos chamados a nos debruçarmos sobre o Creio. Reze, medite e viva essa oração. Do ponto de vista teórico e dogmático, nossa fé está expressa nele; no entanto, esse não é nosso problema. O problema é nossa incoerência daquilo que acreditamos com o que demonstramos na prática.

Nós católicos temos de amar a nossa Igreja e nosso Papa. Precisamos manifestar publicamente a fé que abraçamos, precisamos ser apaixonados pela nossa Igreja, depositária da nossa fé.

Em meu computador, tenho uma foto do nosso amado Papa Bento XVI utilizando um tablet como uma forte motivação para vivermos a nossa fé. A mensagem do Evangelho é a mesma e temos de aproveitar todas as oportunidades.

A superficialidade da nossa fé é tremenda. Às vezes, somos um empecilho para o Espírito Santo e para a Igreja. Não O deixamos trabalhar em nós, e, assim, impedimos a ação de Deus em nossas paróquias e nossas comunidades.

Resolva a sua vida e não estrague a comunidade.

Todos devemos olhar para os simples. Em meus 17 anos de padre, já vi muitas pessoas passarem por mim. E aqueles que são os mais simples, não complicam a caminhada com Deus. Eles se entregam incondicionalmente. A maior dificuldade para ser santo não é para os pecadores, mas para os meio convertidos.

"Resolva a sua vida e não estrague a comunidade", pede o pregador."
Foto: Natalino Ueda/Cancaonova.com

Precisamos ter a coragem de Paulo e exortar nossos irmãos. O Ano da Fé vem tocar muitos eixos de nossa vida, vem purificar nossa alma de cristãos pela metade. Não podemos ser sal insosso, mas cristãos para valer. Não seja morno. Seja quente!

Jesus o convida a uma vida de santidade, mas é preciso dizer 'sim' para Deus. Eu tive de renunciar a minha vida política para seguir a Cristo.

Se eu tenho a luz de Cristo em mim, preciso colocá-la à vista.

Onde estão seus netos ? Onde estão seu filhos? Nós colhemos o que plantamos. A primeira evangelização é dentro de casa.

"Se eu tenho a luz de Cristo em mim, preciso colocá-la à vista."
Foto: Natalino Ueda/Cancaonova.com

Nesse ano da fé, queria que você pensasse: "Será que não está na hora de voltar ao poço de Jacó e pedir água para Jesus novamente? A samaritana tinha uma vida mal resolvida. Assim como ela, a qual tinha 5 maridos, pergunte-se agora: "Quais são as cinco pendências que você precisa resolver hoje?

São Tomas de Aquino nos dá a receita contra a depressão:

1- Tenha bons amigos

2 – Tome banho

3 – Durma bem

4 – Não esconda de você mesmo quem você é.

“O povo está sedento de ir ao poço de Jacó. E nós temos a obrigação de dar essa água para eles. ”O meu maior desejo é ouvir de um jovem: Eu olhei para o seu sacerdote e desejei ser padre.”

A fé não é emoção. Quantos deixam de ir à missa, porque não estão “sentindo” vontade de ir? Se você quer viver sua fé na base da emoção, você está redondamente errado. Você vai viver muito mais momentos de aridez do que de consolação. Fé é encontro com o Senhor, é adesão. "Eu quero servir! Independente do que aconteça, não arrede o pé, porque você é fiel a Jesus Cristo, à comunidade e ao carisma.

Transcrição e Adaptação: Cristiane Viana


:: Confira também a 2ª pregação dessa manhã de domingo: "A graça do carisma"


Padre Reginaldo Manzotti


Reitor do Santuário Nossa Senhora de Guadalupe – Curitiba (PR)

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo