O caminho de volta para Deus

Padre Antônio Aguiar
Foto: Elcka Torres

A devoção a Divina Misericórdia é um caminho de volta para Deus.

II Pedro 3,1-10

“O Senhor não retarda o cumprimento de sua promessa, como alguns pensam, mas usa da paciência para convosco. Não quer que alguém pereça; ao contrário, quer que todos se arrependam” (II Carta de Pedro 3,9).

O autor da Carta vai nos dizer que Deus não veio da segunda vez porque está usando de paciência comigo e com você. Ele está nos dando esse tempo da misericórdia, tempo para que eu você possamos ir percebendo onde temos que mudar de vida.

Muitos usam a desculpa de que, Deus é bom, para continuarem da mesma maneira como têm vivido, e por tanto se justificam dizendo: “deixe-me viver assim, Deus vai me perdoar mesmo”. A Palavra de Deus quer dizer a você que não é assim que se deve entender a misericórdia de Deus, um meio para continuar no erro, ela deve ser entendida como o Papa João Paulo II ensinou: quem encontrou a misericórdia deve continuar um constante caminho de volta para Deus, uma luta constante contra as forças de sua natureza.

Deus está usando de misericórdia para com você, Ele está muito atento aquilo que se passa dentro de você.

O Diário de Santa Faustina número 1728 fala: “Diz aos pecadores que ninguém escapará ao Meu braço. Se fogem do Meu misericordioso Coração, hão-de cair nas mãos da Minha justiça. Diz aos pecadores que sempre espero por eles, presto atenção ao pulsar dos corações deles, para ver quando batem por Mim. Escreve que falo a eles pelos remorsos da consciência, pelos malogros e sofrimentos, pelas tempestades e raios; falo pela voz da Igreja e, se menosprezarem todas as Minhas graças, começarei a Me zangar com eles, deixando-os a si mesmos, e dou-lhes o que desejam”.

Ninguém vai escapar do encontro com Deus, mas se fugirem, hão de cair justiça divina.

Deus está falando a você que está protelando sua conversão, que vive em cima do muro e não se decide pelo caminho de Deus, não se decide a mudar de vida. Essa atitude de deixar tudo para amanhã já é uma “velha conhecida”, hoje é o dia que o Senhor fez para nós; não podemos deixar para amanhã porque não sabemos se terei o amanhã.

A mudança de vida é para o dia de hoje, se eu ficar preocupado com o amanhã eu não aproveitarei da misericórdia  de hoje.

Só Deus pode fazer mudanças repentinas, mas somos pessoas humanas e Deus respeita a nossa mudança que acontece de forma progressiva.

"Ninguém vai escapar do encontro com Deus, mas se fugirem, hão de cair justiça divina"
Foto: Elcka Torres/CN

A misericórdia de Deus é essa paciência que espera darmos um passo de cada vez, e você vai chegar aonde o Pai quer que você chegue. As vezes você quer que as mudanças aconteçam no ritmo veloz, maiores que os passos que você consegue dar, mas Deus tem paciência com você e você precisa passar por esse processo de mudança de erros e acertos, isso faz parte do processo da divina misericórdia.

Para mudar, eu preciso saber onde essa mudança precisa acontecer. Você precisa tocar na sua fraqueza na sua miséria, e quando a gente não consegue tocar, Deus coloca alguém na nossa vida que diz: "você é assim…" Muitas vezes não queremos aceitar, e pior cego é aquele que não quer enxergar. Você precisa pedir a Deus que Ele venha com a sua misericórdia e lhe mostre onde você precisa mudar. Isso é processo que nos desconcerta, mas você não dever ter medo. Jesus, eu confio em Vós! Isso precisa lhe ajudar a se aproximar ainda mais de Deus.

Quando eu vivia esse processo, eu corria para Jesus no sacrário. É doloroso, mas é libertador, vamos amadurecendo. Nosso processo é contínuo na direção de Deus. Nós precisamos viver esse processo senão não seremos transformados naquilo que devemos ser.

"O caminho de volta para Deus é um caminho individual"
Foto: Elcka Torres/CN

Muitas vezes colocamos os olhos nos outros e nos decepcionamos, isso é bom para que você deixe de se voltar para as pessoas e se volte para Deus.

Essa libertação acontecesse quando você se encontra com a sua miséria e a miséria do outro, e você diz para Deus: é aqui que eu preciso da misericórdia. Deus pela sua misericórdia já iniciou em você esse processo de conversão, que em uns será mais rápido, em outros vai ser mais devagar, porque Deus respeita o tempo de cada um.

A misericórdia é a última tábua de salvação, o tempo da paciência de Deus para mim e para você está no fim, nós não temos mais tanto tempo. A misericórdia você encontra no caminho para a Igreja, a misericórdia de Deus veio dizer para nós que o caminho do céu passa pela conversão, pela volta para Deus. Somente então, estaremos de fato no caminho do céu, senão vamos continuar vivendo por viver. Você precisa se voltar para Deus.

O caminho de volta para Deus é um caminho individual, Deus vai retribuir a cada um segundo as suas obras, não fique esperando pela mudança do esposo (a), da filha (o)… Uma mulher santa santifica a família, por isso você precisa dar passos, não espere pelo seu esposo.

Jesus irá voltar e quer encontrar você aonde você deve estar, com o relacionamento com Ele resolvido, se assim não for, você ficará para trás. Deus está nos dando esse tempo para mudarmos de vida, é o tempo da nossa salvação, precisamos dar passos na direção de Deus.

Assista trecho da pregação:

Transcrição e adaptação: Willieny Isaias

 


ADQUIRA ESSA PREGAÇÃO PELO TELEFONE
(12) 3186-2600


Padre Antônio Aguiar


Sacerdote divulgador da devoção à Divina Misericórdia

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo