Orando pela cura entre gerações - Parte II

Padre Márlon reza durante pregação
Foto: Carlos Eduardo

Quero pegar com vocês no Evangelho de São Mateus, capítulo 21,13 onde está escrito: “e disse-lhes: Está escrito: Minha casa é uma casa de oração, mas vós fizestes dela um covil de ladrões!”

Ora, para que serve o templo? Para oração, certo? E Jesus ficou bravo, pois fizeram do templo uma casa de comércio, fizeram do templo uma bagunça e logo então, nos lembramos, quando Jesus fez um chicote e expulsou do templo os comerciantes.

Neste momento, toque no seu coração, e peça a Jesus: "que a minha casa seja uma casa de oração". Que você seja uma pessoa de oração, pois assim, se eu for de oração, toda a minha casa será uma casa de oração.

Tem muita coisa querendo bagunçar a nossa casa, e nós precisamos limpar toda esta bagunça e expulsar da nossa casa todo o mal.

Quero partilhar com vocês um roteiro com 10 passos para 'cura das gerações', da nossa 'árvore genealógica', que temos usado em nossa comunidade e partilhado por onde temos passado em nosso país.

1º Passo:
Faça o geneagrama ou genograma, que é a arvore genealógica.

Quando você faz o geneagrama você faz um diagnóstico da sua história familiar, tem gente que não sabe nada e é bom saber.

Queira saber como viviam os seus. Eram tementes a Deus ou não? Eram católicos, frequentavam a igreja? Ou estavam enveredados nos caminhos das trevas? Tiveram uma morte digna, ou desapareceram, tiveram mortes não choradas, enterros cristãos? Eescreva na árvore genealógica, e então você vai descobrindo problemas, como muitas mortes cedo, bebedeiras e outras coisas ruins. Se você for um filho adotivo, você pode rezar pelo que sabe, se não souber nada, reze pela sua família de criação, pois herdamos traços de família como a psicologia já explicou, mas também herdamos traços de um grupo, de uma sociedade, de uma família, trazemos esta predisposição e temos uma tendência a reagir como aquele grupo e cultura.

Coloque seu geneagrama nas caixinhas de oração, leve para a Missa, coloque na Bíblia, e reze a partir dela. A cura entre gerações não é para jogar pedras na história familiar, mas para se ajoelhar sobre a história familiar. E orar até perceber os efeitos e mudanças na sua família, não pode ter pressa, mas é preciso ser perseverante, pois não é de uma hora para outra, existem famílias com histórias muito marcadas, não podemos desistir de orar.

Fiéis rezam pela cura entre as gerações
Foto: Carlos Eduardo


2º Passo:
– Louvar a Deus, o louvor cura, o louvor cura e liberta. Quando louvamos tiramos o olhar dos problemas e colocamos o olhar Naquele que a solução dos problemas, pois em todas as histórias tem mais coisas boas do que ruins.

3º passo
– Perdoar e pedir perdão, pois isto inaugura o perdão de Deus na nossa vida. Pedimos pedir perdão por nós, e pelos nossos, e não nos revoltarmos pela história da nossa família, podemos fazer isto na Missa, no grupo de oração ou na oração pessoal.

4º passo
– Fazer uma oração de renúncia formal abrindo mão da maldição, por você e pela sua família, renunciando a toda herança negativa. Renuncie a tendência e a bebedeira, renuncie a toda obra das trevas na sua família.

5º passo
– Fazer uma profissão de fé, por você por todos os da sua família, os que eram ou não da Igreja, mesmo pelos que falavam mal e reclamavam.

6º passo – Fazer oração de cura e libertação, na sua casa e no seu grupo de oração.

7º passo – Pedir o Espírito Santo por nós e por toda a família, porque depois de mandar o mal embora e limpar a casa, precisamos ocupar o espaço vazio com a graça de Deus.

8º passo
– Oferecer a Santa Missa em favor de sua família, dos seus falecidos. Tem gente que se afasta da história familiar, o simples afastamento de uma de dor, não cura a dor, mas enterra a ferida viva. Nós herdamos lembranças dos nossos ancestrais, por isso precisamos rezar pela história de nossos falecidos.

9º passo
– Dar atenção aos falecidos. Não se afastar dos seus falecidos, não esconder as marcas da família, os sofrimentos e dores da família, assumamos com humildade a nossa história e ofereçamos orações por nossos falecidos, principalmente na Santa Missa que é a oração Magna.

10º passo
– Consagrar a família a Jesus e a Maria, todos os dias, pois se nossa família não tem dono o inimigo vem e passa e pega.

Transcrição: Carlos Eduardo

Veja também:
:: Divulgue sua paróquia na Canção Nova
:: Conheça o conteúdo Canção Nova disponível no iPhone

:: Faça parte do grupo "Eu acesso o cancaonova.com"
:: Escolha um canal e acompanhe a CN on line


Acompanhe as pregações pelo twitter @cancaonova e
retuite a mensagem que mais falar ao seu coração

ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186 2600



Padre Márlon Múcio


Sacerdote da Comunidade Missão Sede Santos

Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo