Pela cruz, Jesus quer curá-lo

Roberto Tannus
Foto: Wesley Almeida
Hoje eu quero falar para você que, pela cruz, Jesus quer curá-lo e libertá-lo. Abra a sua Bíblia no livro do Êxodo 15, 22-26:

"Moisés fez Israel partir do mar Vermelho. Tomaram a direção do deserto de Sur. Caminharam três dias pelo deserto sem achar água. Chegando a Mara, não puderam beber a água de Mara, por ser amarga; por isso deram ao lugar o nome de Mara, Amargura. O povo murmurou contra Moisés, dizendo: 'Que vamos beber?'

Moisés clamou ao Senhor, e o Senhor lhe indicou um tipo de planta que ele jogou na água, e esta tornou-se doce. Foi ali que ele deu ao povo lei e decreto e os pôs à prova, dizendo: 'Se de fato escutares a voz do Senhor teu Deus, se fizeres o que é reto a seus olhos, se prestares atenção a seus mandamentos e observares todas as suas leis, não te causarei nenhuma das enfermidades que causei aos egípcios, pois eu sou o Senhor que te cura'”.

Veja como termina a passagem: “Eu sou o Senhor que te cura”. Aquelas pessoas já estavam no limite, visto que o ser humano fica sem água até três dias. Moisés ora ao Pai e Ele lhe indica um caminho: Ele transforma a água amarga em doce.

Jesus transforma aquilo que é maldito em bênção. É pela cruz que recebemos a salvação! Veja em I Coríntios 1, 18: “A pregação da cruz é loucura para os que se perdem, mas para os que são salvos, para nós, ela é força de Deus”.

Somente com a cruz você consegue sofrer sem se afastar do verdadeiro amor, que é o de Deus. Você não tem sofrimento algum, não tem problema, porque o seu sofrimento foi levado para a cruz. Não é fácil abraçar a cruz quando tudo dá errado; eu sei… Drogas, traição, bebedeira… Não fique amargo, não murmure, apenas confie porque Jesus transforma o amargo em doce!

"A oração é uma das formas de você ficar firme na cruz; invista na conversa com o Senhor"
Foto: Wesley Almeida

A oração é uma das formas de você ficar firme na cruz; invista na conversa com o Senhor. Jesus tinha todos os motivos do mundo para não nos perdoar, afinal, não acreditamos n'Ele e O matamos. Você não tem o direito de não perdoar, viver na tristeza e na amargura. É amargo quem não abraça a cruz, quem não perdoa e quem não é devoto de Maria.

Veja no Evangelho de São João 19, 25-27:

“Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe e a irmã de sua mãe, Maria de Cléofas, e Maria Madalena. Jesus, ao ver sua mãe e, ao lado dela, o discípulo que ele amava, disse à mãe: 'Mulher, eis o teu filho!' Depois disse ao discípulo: 'Eis a tua mãe!' A partir daquela hora, o discípulo a acolheu no que era seu”.

"Jesus transforma aquilo que é maldito em bênção"
Foto: Wesley Almeida

Maria é doçura. Repare que Jesus não diz “Eis aí a minha mãe”, mas sim, “Eis aí a tua mãe”. Nosso Senhor nos deu uma intercessora junto a Ele, não podemos deixá-la de lado.

Transcrição e adaptação: Ariane Fonseca

Acompanhe as pregações pelo Twitter @cancaonova e retuíte a mensagem que mais falar ao seu coração.


ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186 2600


Conheça mais do nosso conteúdo:

:: WebTVCN, muitos vídeos para você
:: Gente de fé, a sua comunidade de relacionamento cristã
:: Podcasts: ouça áudios sobre variados assuntos
:: Cadastre sua paróquia ou capela no Portal Canção Nova

Para o seu celular:

:: Canção Nova Mobile
:: CN Chama, a Palavra de Deus no seu celular
:: Iphone

Mais canais na web:

:: meadiciona.com/cancaonova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo